Infecção urinária atinge cerca de 80% das mulheres

Entre os sintomas mais comuns estão, a necessidade urgente de urinar com frequência, ardor durante a micção, dores na bexiga, nas costas e no baixo ventre


Tribuna da Bahia, Salvador
13/09/2017 10:58 | Atualizado há 9 dias, 13 horas e 48 minutos

   
Foto: Divulgação

Por Adriana Planzo

Dados do Ministério da Saúde apontam que, por dia, cerca de 9 mil pessoas precisam de internação em hospitais públicos do país com problemas causados pela cistite, popularmente chamada de infecção urinária. Apesar de atingir cerca de 80 % das mulheres, a infecção urinaria também acomete homens e crianças.

A doença foi responsável pela internação da atriz Rogéria, que morreu no último dia 4, aos 74 anos, em decorrência de um choque séptico, condição que indica infecção alastrada. A Cistite é uma infecção ou inflamação da bexiga. Em geral, é causada pela bactéria Escherichia coli, presente no intestino e importante para a digestão. No trato urinário, porém, essa bactéria pode infectar a uretra - uretrite, a bexiga – cistite - ou os rins - pielonefrite.Outros microrganismos também podem provocar cistite.

A médica nefrologista, Ana Misael, membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), explica que não existe uma idade específica para se ter a doença e alerta para os riscos da cistite. “É uma doença que afeta homens, mulheres e crianças. Não se tem uma idade determinada. A cistite é muito incomodativa, pois causa muita dor”, revela.

Leia mais na edição impressa do jornal ou no Tribuna Virtual.

Compartilhe       

 


TRIBUNA VIRTUAL



 

Notícias Relacionadas