Semana nacional de combate ao Aedes mobiliza a população da Bahia

Integram a mobilização, distribuição de material educativo, visitas domiciliares, mutirões de limpeza realizados pelos agentes de saúde, e exposições educativas em escolas


Tribuna da Bahia, Salvador
07/12/2017 14:09 | Atualizado há 10 dias, 2 horas e 17 minutos

   
Foto: Reprodução

A população de Salvador (BA) está sendo mobilizada para combater o mosquito transmissor da dengue, Zika e chikungunya. Nesta quinta-feira (07), a representante do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde na Bahia, Gerluce Silva, participa, no Estado, de ação da semana nacional de combate ao Aedes. Em todo o país, o Governo Federal, em parceria com os estados e os municípios, está realizando uma série de ações para conscientizar sobre importância de eliminar os focos do mosquito, especialmente antes da chegada do verão, período mais favorável à proliferação do mosquito. 

Em Salvador, a concentração será na Escola Municipal Úrsula Catarino. Também integram a mobilização, distribuição de material educativo, visitas domiciliares, mutirões de limpeza realizados pelos agentes de saúde, exposições educativas em escolas, entre outras ações voltadas para a comunidade local. A Semana Nacional de Combate ao Mosquito consiste em ações integradas e simultâneas, em todas as capitais do País, em articulação com prefeituras, governos estaduais e população. 

Infestação

O novo Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) de 2017, consolidado em 24 de novembro, aponta que 124 cidades encontram-se em situação de alerta e 76 em risco para surto de dengue, zika e chikungunya no estado da Bahia. Outros 81 municípios estão em situação satisfatória. Salvador, a capital do estado, está em situação de alerta.  


Compartilhe       

 


TRIBUNA VIRTUAL



 

Notícias Relacionadas