Casa do Carnaval amplia experiência da folia para o ano todo

Inaugurado no último dia 5, o primeiro museu sobre a festa do país estará aberto a visitações de terça a domingo, sempre das das 11h às 19h


Tribuna da Bahia, Salvador
13/02/2018 20:52 | Atualizado há 7 dias, 12 horas e 49 minutos

   
Foto: Bruno Concha

A folia de Momo chega ao fim nesta terça-feira (13), mas a experiência poderá ser vivida o ano todo na Casa do Carnaval, espaço interativo que reúne a memória da festa na Bahia em arquivo material, adereços, esculturas, vídeos e áudios, tudo com muita interação e ambientes lúdicos. Inaugurado no último dia 5, o primeiro museu sobre a festa do país estará aberto a visitações de terça a domingo, sempre das das 11h às 19h. 

Localizado entre o Terreiro de Jesus e a Praça da Sé, ao lado do Plano Inclinado Gonçalves, o museu já recebeu 423 visitantes. Além do público baiano e de turistas, já estiveram no local os artistas Daniela Mercury, Xanddy, Márcio Victor, Armandinho, Mariene de Castro, Gerônimo, Vovô do Ilê e Carlinhos Brown.

Na Casa do Carnaval, o visitante tem à disposição uma biblioteca de livros relacionados à folia, além da Sala das Origens, que exibe 200 bonecos feitos com cerâmica, representando figuras típicas de Momo na cidade, como o cordeiro, os Filhos de Gandhy e alguns dos principais cantores, feitos pela artesã Cibele Sales. Isso sem falar em maquetes animadas dos circuitos.

Memória

A Casa do Carnaval ainda possibilita acesso à memória do Carnaval do interior por meio da exposição de fantasias reais dos Cães de Jacobina e dos Caretas de Maragogipe. Roupas e fantasias icônicas de cantores da Axé Music, como Ivete Sangalo, Daniela Mercury e Carlinhos Brown e de blocos afro também podem ser conferidas de perto, assim como instrumentos musicais emprestados por artistas.

Experiência viva

Nas duas salas de cinema da Casa, no primeiro andar, os visitantes podem viver a experiência da folia, por meio de adereços como mamãe-sacode, fantasia e até instrumentos de percussão. Nelas são exibidos filmes que ensinam como dançar 11 coreografias do Carnaval.

"A Casa do Carnaval é um equipamento que proporciona ao público fazer uma imersão nos aspectos artísticos, culturais, musicais e econômicos da festa. Nas salas de cinema, o visitante tem a oportunidade de reviver a experiência única que a folia proporciona. Com a Casa do Carnaval, esse contato com a festa pode acontecer o ano inteiro”, conta o secretário municipal de Cultura e Turismo, Cláudio Tinoco.

Acesso

Para ter acesso ao espaço nesse primeiro mês de teste, é preciso realizar agendamento prévio por meio do telefone 71 3324-6760. As visitas agendadas e gratuitas nesse primeiro mês são realizadas nos horários das 11h, 14h30 e 16h30, com a entrada de 80 pessoas por período.


Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas