Raio Laser

Por Equipe de Política


Tribuna da Bahia, Salvador
15/10/2021 23:12

   

Quantas vezes eu choro no banheiro, em casa. Minha esposa nunca viu. Ela acha que eu sou o machão dos machões e, em parte, eu acho que ela tem razão

Jair Bolsonaro

Políticos, acima de tudo 
A ideia de que as eleições de 2022 ocorreriam sob o signo da antipolítica parece que não prosperarão em nenhum canto do país. Na Bahia, então, está longe de se confirmar, principalmente por causa das candidaturas de dois pesos pesados da política, a exemplo de Jaques Wagner (PT) e do ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União Brasil), que se preparam para disputar em grande estilo a sucessão do governador Rui Costa (PT) e - o que ninguém pode contestar - entendem mais de política do que todos os outros quadros em atuação hoje no Estado juntos.

Palanque 
A turma de João Roma (PRP) deve fazer novas avaliações no mês de novembro para decidir em que ponta ele jogará em 2022. O clima no grupo é para que ele busque renovar seu mandato, ao passo que, no Palácio do Planalto, a torcida é para que concorra ao governo e dê um palanque a Jair Bolsonaro na Bahia, já que, com ACM Neto (União Brasil), o presidente não vai.

Saída 
Para deputados do PP, a viagem do vice-governador João Leão, ontem, para o exterior, repetindo os passos do governador Rui Costa (PT), que também vai dar uma esticada até o dia 31 fora do país, foi providencial neste momento em que as atenções se voltam para o ingresso do presidente da República na legenda e no desafio que a situação lhe impõe.
Posição
Aliás, por falar em deputados do PP, o líder do partido na Assembleia Legislativa, Eduardo Salles, expressou com precisão o sentimento da turma da Bahia em relação ao ingresso do presidente da República na agremiação: o PP vai ficar com Rui Costa e, quem quiser, vá embora.
Avaliação
Na verdade, a preocupação da turma do PP neste momento é evitar que o governo confunda o movimento de Leão pela candidatura própria ao governo com qualquer interesse seu em sair candidato com o apoio do presidente da República, o que daria rompimento com Rui Costa e o senador Jaques Wagner (PT) na certa.

Boato
Adversários do PT têm espalhado a notícia de que o senador Jaques Wagner estaria pouco animado com a candidatura ao governo, dado o fato, principalmente, de que tem feito pouca campanha no interior, preferindo ficar entre Brasília e Salvador. Mas os petistas dizem que não há alternativa a seu nome.

Lorota
Quem agitou a política baiana e, principalmente, a magistratura local foi a delação da desembargadora Sandra Inês, que lançou acusações e suspeitas sobre meio mundo de gente, embora se diga, no Tribunal de Justiça, que há muita lorota nas informações que prestou.
Ação penal
Ontem, por exemplo, o senador Angelo Coronel (PSD) disse que vai ajuizar uma ação penal contra a desembargadora e seu filho, Vasco Rusciolleli, por causa das acusações dirigidas pela magistrada à sua pessoa. Não será o único a processar mãe e filho.

Destruição
O Parque Estadual Sete Passagens, que fica no município de Miguel Calmon, na Chapada Diamantina, foi atingido por um incêndio de grandes proporções, desde quinta-feira. O fogo começou na região do povoado de Covas e se alastrou pela vegetação, chegando a uma área de preservação ambiental. Apesar de as queimadas terem sido classificadas como de grandes proporções, até o momento não há detalhes da extensão que foi destruída pelas chamas.

Segurança
A Secretaria da Segurança Pública (SSP) realizou, na manhã de ontem, uma audiência pública para tirar dúvidas e receber sugestões sobre as especificações técnicas para a compra de câmeras corporais (bodycam), que serão acopladas nas fardas dos policiais para filmar e gravar abordagens, flagrantes e situações de confrontos envolvendo guarnições policiais. O encontro reuniu sociedade civil, empresas do ramo de tecnologia, servidores da SSP e imprensa, além de representantes de órgãos como a Procuradoria Geral do Estado (PGE), Auditoria Geral do Estado (AGE), Tribunal de Contas do Estado (TCE), entre outros órgãos, no auditório do Centro de Operações e Inteligência, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

Censo 
O secretário municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), Kiki Bispo, disse que está em processo de finalização a pesquisa do censo da população em situação de rua em Salvador. “Estamos finalizando o termo de referência. Número fundamental. Saber o perfil de cada morador de rua. Atuar mais perto deles”, afirmou.

Mulheres na política 1
O Mulher Democratas vai promover nesta no próximo dia 18 um evento com o objetivo de impulsionar a participação feminina na política. A ação, denominada Encontro de Mulheres Dirigentes do Mulher Democratas Bahia, contará com a presença do ex-prefeito de Salvador ACM Neto (União Brasil/ Democratas) e deve reunir participantes de todo o estado. Também participam do encontro, que será realizado  no Hotel Fiesta, a partir das 19h, a deputada federal Professora Dorinha, presidente nacional do Mulher Democratas; a presidente do Mulher Democratas Bahia, Iris Azi; a deputada federal Dayane Pimentel; e o deputado federal Paulo Azi.
Mulheres na política 2
Segundo Iris Azi, o encontro tem a finalidade de  promover a formação política de mulheres filiadas ao Democratas da  Bahia, além de fomentar a  construção de redes locais de  mulheres. O evento faz parte do Programa Nacional de Aceleração de Lideranças Femininas do Democratas que será implantado na Bahia. No encontro, também serão definidas as estratégias para participação política da mulher no próximo ano.

Policiais
O Governo do Estado publica, no Diário Oficial de hoje, mudanças no decreto que regulamenta o Prêmio Especial pago por arma de fogo apreendida em operações policiais. Policiais militares e civis receberão quatro vezes o valor que até então era pago por esse tipo de apreensão. O prêmio pela apreensão de armas de fogo de uso permitido, que era de R$ 300, passa a ser de R$ 1.200, segundo o novo decreto, que entra em vigor a partir de sábado (16). Já a premiação relativa às armas de uso restrito foi reajustada de R$ 600 para R$ 2.400. O maior prêmio será pago para armas do tipo fuzil, metralhadoras e artefatos explosivos de uso exclusivo das Forças Armadas, que salta de R$ 1.500 para R$ 6.000.

Viagem 
O governador Rui Costa embarcou ontem para mais uma missão internacional em busca de investimentos para a Bahia. Estão planejadas diversas reuniões com empresários e autoridades locais em cidades distribuídas em quatro países de dois continentes: Ásia e Europa. Além de apresentar oportunidades de investimento, o governador vai reforçar laços com multinacionais que já investem na Bahia. A primeira parada será em Berlim, capital da Alemanha, na segunda-feira (18). Além da capital alemã, a missão internacional baiana passará por cidades no Cazaquistão, República Tcheca e Emirados Árabes Unidos.

Casos
A Bahia registrou ontem 641 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,05%) e 500 recuperados (+0,04%). O boletim epidemiológico desta sexta-feira (15), também registra 7 óbitos. Do total de 1.239.293 de casos confirmados desde o início da pandemia, 1.210.037 já são considerados recuperados, 2.299 encontram-se ativos e 26.957 tiveram óbito confirmado. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.559.099 casos descartados e 241.891 em investigação. Na Bahia, 52.156 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.
Vacinação
Com 10.382.125 vacinados contra o coronavírus (Covid-19) com a primeira dose ou dose única, a Bahia já vacinou 81.54% da população com 12 anos ou mais, estimada em 12.732.254.

Brasil
Em 24 horas, as secretarias estaduais e municipais de saúde registraram 15.239 novos casos de covid-19 e 570 mortes em decorrência de complicações associadas à infecção pelo novo coronavírus. Com os acréscimos às estatísticas, a soma de vítimas que não resistiram à doença chegou a 602.669.  Ainda há 3.124 óbitos em investigação. Essa situação ocorre pelo fato de haver casos em que o paciente faleceu, mas a investigação sobre se a causa foi covid-19 ainda demanda exames. Com os novos casos registrados, o total de pessoas infectadas pelo coronavírus desde o início da pandemia alcançou 21.627.476.  Ainda conforme as autoridades de saúde, há 250.981 casos em acompanhamento, de pessoas que tiveram o quadro de covid-19 confirmado.

Oxford/AstraZeneca
O Ministério da Saúde anunciou ontem a redução do intervalo da segunda dose da vacina Oxford/AstraZeneca de 12 semanas para oito semanas. Com isso, fica a cargo dos municípios o ajuste dos calendários de segunda dose a partir da disponibilidade do imunizante. Segundo a pasta, foram enviadas doses para concluir o ciclo vacinal de todas as vacinas ofertadas em todo o país. No total, foram disponibilizadas a estados e municípios 310 milhões de doses.

 

Compartilhe