Raio Laser - edição do dia - 15/02

Frase


Tribuna da Bahia, Salvador
14/02/2021 22:53

   

A pandemia chegou como uma marca de ferro dessa coisa vulgar, pequena, perversa e má que vivemos. E o Brasil parece não ver que tem saída. Uma hora vai ver. O Brasil ainda é aquele, mas está adormecido, apavorado, acuado, doente e triste. Vontade de chorar!

Maria Bethânia

Sem encenação (ACM Neto)

Ainda vai demorar para as pessoas de uma forma geral e até a classe política se convencerem de que o rompimento entre o ex-prefeito ACM Neto (DEM) e o novo ministro da Cidadania, João Roma, foi verdadeiro. Para a maioria, a briga não passou de um jogo combinado no qual Neto teria autorizado a nomeação de Roma pelo presidente Jair Bolsonaro mas encenaria um rompimento com o ex-auxiliar para não arcar com o desgaste da aproximação com o presidente, rejeitado pelo menos por 75% do eleitorado baiano, no qual Neto está de olho por causa de sua candidatura ao governo. A ideia não se sustenta, no entanto, porque tanto Neto quanto Bolsonaro não têm perfil para aparecerem mal na fita, caso principalmente do ex-prefeito, que chegou a dizer que o presidente teria ganho um inimigo por ter nomeado o ex-aliado para o ministério.

Reação geral (João Roma)

Aliados do ex-prefeito ACM Neto (DEM) diziam ontem ter percebido que João Roma não gostaria de que ACM Neto tivesse rompido com ele e, ainda por cima, subestimou a reação do amigo, como se não o conhecesse. Ele ainda tentava colocar panos quentes por meio de amigos próximos ao presidente nacional do DEM, mas a reação geral, inclusive dos mais chegados ao ex-prefeito contra ele era muito ruim.

Duplamente

Segundo amigos, dois fatos incomodaram profundamente ACM Neto na decisão de João Roma de aceitar a indicação para o ministério da Cidadania: a primeira foi o fato de ele ter comunicado pessoalmente ao presidente do DEM que não aceitaria o convite um dia antes do anúncio feito pelo governo. O segundo era o fato de ser dos poucos a ter acesso pleno à sua família, inclusive aos pais.

Ruptura (Alan Sanches)

O deputado estadual Alan Sanches (DEM), que ACM Neto colocou na campanha de 2018 para dobrar com João Roma dentro do bem sucedido plano de elegê-lo deputado federal, foi o primeiro a anunciar o rompimento com o novo ministro. Outro foi o diretor da Codesal, Sóstenes Macedo, que durante a campanha chegou a trocar a sua foto pelo do candidato a deputado no aplicativo de WhatsApp.

Inferno astral

Depois de passar oito anos praticamente incólume ganhando, entre outros títulos, o de melhor prefeito do Brasil, ACM Neto viveu uma semana perturbadora do ponto de vista político. Além de ter rompido a amizade de 20 anos com Rodrigo Maia, não conseguiu acertar os ponteiros com João Doria (PSDB), brigou com um dos seus principais aliados, João Roma, e, por sua causa, ainda virou inimigo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Desejo (Cacá Leão)

Em entrevista que concedeu neste domingo, o deputado federal Cacá Leão, guindado à condição de líder nacional do PP no lugar do hoje presidente da Casa, Arthur Lira (PP), admite que gostaria de ver o pai, João Leão, candidato a governador da Bahia em 2022. É o mesmo desejo de 10 em cada 10 correligionários de ambos no partido na Bahia.

Aulas

A Procuradoria Geral do Estado (PGE) ingressou ontem, junto ao Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), com um pedido de extensão em suspensão de liminar para a nova decisão do Juízo de Direito da 6ª Vara da Fazenda Pública de Salvador, que desta vez ordena o imediato retorno das atividades letivas presenciais no Estado da Bahia e no Município de Salvador. O novo processo judicial é uma Ação Civil Pública proposta pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado da Bahia.

DEM independente 1 (Paulo Azi)

O deputado federal Paulo Azi, presidente estadual do Democratas, reforçou que toda a bancada federal do partido está alinhada ao posicionamento do presidente nacional da sigla, ACM Neto, de manter independência em relação ao governo federal. "Independência significa ter liberdade para criticar quando for para criticar, para apontar erros, como tem sido feito por quadros do partido, entre eles o próprio presidente ACM Neto", afirma.

DEM independente 1

Azi critica as tentativas do PT de associar ACM Neto à nomeação do deputado federal João Roma (Republicanos) para o posto de ministro da Cidadania. "Muita cara de pau do PT.  Os petistas fazem essa tentativa de associar ACM Neto à nomeação, mas silenciam quando veem que os partidos do Centrão, que dão sustentação ao governo federal, são os mesmos que dão sustentação ao governador Rui Costa e ao PT na Bahia", rebate. O deputado diz ainda que a nomeação de Roma nada tem a ver com o Democratas.

Ordem de serviço

A prefeita de Cachoeira, Eliana Gonzaga, assinou ontem a ordem de serviço autorizando o início da obra de construção do Terminal Náutico de Cachoeira, após reunião com o Sub-secretário de Turismo do Estado, Benedito Braga, representantes da empresa Pejota, responsável pela obra, o chefe do Departamento de Turismo, Carlos Eduardo Morais, o secretário de Relações Institucionais, Cleber Brito, e o chefe de Gabinete, Robson Tadeu. Após a assinatura da ordem de serviço, a prefeita visitou o local de obras em comitiva.

Protesto petista

O PT de Salvador, em parceria com o Comitê Militante Petista ‘Fora Bolsonaro’, outros partidos de esquerda, frentes, entidades e movimentos sociais, realizou mais um ato pelo retorno do Auxílio Emergencial para todos e enquanto durar a pandemia do COVID-19. A ação chamada ‘Feijoada da Solidariedade’ entregou à população 600 quentinhas na Praça da Piedade. A iniciativa faz parte do conjunto de atividades da campanha ‘Fora Bolsonaro’ em Salvador.

Despedida

Crítico do novo modal de transporte que irá substituir os trens do Subúrbio e da tarifa anunciada pelo governo do estado, o vereador Téo Senna (PSDB) comentou em suas redes sociais sobre a paralisação definitiva do trem no último sábado (13). “Foram mais de 160 anos prestando serviço aqui na nossa cidade. Sábado, o trem do Subúrbio fez sua última viagem, levando consigo muitas histórias. Trata-se de um meio de transporte popular, que beneficiava os mais carentes, de Paripe à Calçada. Me preocupa agora como essas pessoas conseguirão se locomover com uma tarifa equivalente, já que o valor atual do sistema integrado de transporte é fora da realidade para a maioria delas”, disse.

Petrobras

A Mudança do Garcia este ano não vai preencher as ruas do centro da cidade com seu tom de protesto. Apesar disso, o Fórum em Defesa da Petrobras, composto pela Associação dos Engenheiros da Petrobrás (AEPET-BA), Associação dos Aposentados da Petrobrás (ASTAPE-BA) e a Associação dos Anistiados Políticos da Petrobrás (Abraspet), vai realizar nesta segunda-feira (15) a live “Em Defesa das Estatais”, às 15h. A transmissão ocorrerá pelo canal do Youtube da AEPET-BA. Na ocasião, será lançado pelo Fórum o movimento ‘A Bahia em Defesa das Estatais', que tem como objetivo criar uma organização regional de resistência às ameaças de privatização de empresas consideradas patrimônio nacional tais como: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Petrobrás, Correios, Eletrobrás.

Óbitos

Ontem, o boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) sobre a Covid-19 registrou 61 óbitos. Apesar das mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram contabilizados ontem. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 10.735, representando uma letalidade de 1,70%. Dentre os óbitos, 56,56% ocorreram no sexo masculino e 43,44% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 55,19% corresponderam a parda, seguidos por branca com 20,09%, preta com 14,55%, amarela com 0,60%, indígena com 0,14% e não há informação em 9,43% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 70,71%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,51%).

Casos

A Bahia registrou ontem 2.584 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,4) e 2.124 recuperados (+0,4%). Dos 629.849 casos confirmados desde o início da pandemia, 603.722 já são considerados recuperados e 15.392 encontram-se ativos. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.004.334 casos descartados e 145.495 em investigação. 

Brasil

As mortes pelo novo coronavírus ao longo da pandemia no Brasil aproximam-se da marca de 240 mil. Ontem, as autoridades de saúde notificaram 713 novos óbitos, totalizando 239.245. No último sábado (13), o painel de informações marcava 238.532 mortes acumuladas. Ainda de acordo com a atualização do Ministério da Saúde, os casos de covid-19 totalizam 9.834.513. Em 24 horas, foram registrados 24.759 novos diagnósticos. Anteontem, o painel de estatísticas marcava 9.809.754 casos acumulados. O balanço apontou também 849.844 pacientes em acompanhamento e 8.745.424 que já se recuperaram da doença.

Idosos

A Secretaria Municipal da Saúde de Salvador começa nesta segunda-feira (15), a vacinação dos idosos com idade igual ou superior a 84 anos. A logística da pasta sobre as doses disponíveis na cidade possibilitou a continuação da estratégia para ampliar a cobertura do público-alvo. As doses estarão disponíveis exclusivamente para os idosos das 08h às 17h nos drive-thrus do 5º Centro de Saúde, nos Barris; Atakadão, em Fazenda Coutos; Parque de Exposições, na Paralela, e na Arena Fonte Nova. As salas de vacina do 5ª Centro, USF Plataforma, USF Cajazeiras X e CSU Pernambués também atenderão o público-alvo.


Compartilhe