Raio Laser - edição do dia - 18/01

Frase


Tribuna da Bahia, Salvador
17/01/2021 21:19

   

É provável que consigamos coordenar entrega de vacinas da Índia no início da semana. Adquirimos e pagamos 2 milhões de doses de fábrica indiana

Eduardo Pazuello, ministro da Saúde

Pressão (Rui Costa)

O governador Rui Costa (PT) vem sendo bastante pressionado por aliados para recuar na decisão de tornar o vice-governador João Leão (PP) seu chefe da Casa Civil. O descontentamento vem principalmente da base, onde os aliados acham que o líder do PP pode ficar extremamente forte, desequilibrando a relação com os outros parceiros. No fundo, o que eles temem é que o vice, ocupando um posto-chave na estrutura da máquina estadual, acabe beneficiando seu partido em detrimentos dos demais, motivo porque gostariam de ver na pasta alguém que tivesse um certo distanciamento partidário. Agora, resta ver se Rui vai acatar a demanda dos aliados, comprando uma briga com o vice.

Fundamental (João Doria)

Deputados baianos não tinham dúvida ontem de que o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), marcou um ponto e tanto com a decisão de vacinar a enfermeira com comorbidades que atua na linha de frente contra o coronavírus na capital paulista antes mesmo do início do plano nacional de imunização, para o qual, com a pressão que exerceu, o chefe do executivo paulista foi considerado fundamental.

Trapalhões

O governador de São Paulo, aliás, aproveitou a coletiva de ontem, após a vacinação da primeira brasileira em solo nacional para, por meio dos auxiliares que o auxiliaram na tarefa de iniciar as tratativas para produzir e distribuir a Coronavac no país, mostrar as trapalhadas do governo federal com relação às negociações e discussões com o Estado com relação ao programa de imunização.

Imbassahy na fita (Antonio Imbassahy)

Num dado momento, elogiando bastante o histórico do ex-prefeito, ex-deputado e ex-ministro baiano Antonio Imbassahy, chefe do escritório de São Paulo em Brasília, responsável por grande parte das negociações com o governo federal com relação ao plano de imunização, ele o chamou e pediu que explicasse a decisão do Estado de ficar com a cota correspondente de vacinas para os paulistas ao invés de enviar todas elas para o Ministério da Saúde para redistribuição, o que implicaria em mais trabalho e atraso.

Baixo clero (Júnior Muniz)

Quem joga tudo para assumir um cargo na mesa pelo PP é o deputado estadual Júnior Muniz. O problema é que, no partido e mesmo fora dele, ele é considerado um representante nato do chamado Baixo Clero, ao qual, normalmente, não é dado espaço em posições tão importantes no Parlamento. De forma que Júnior depende da boa vontade dos colegas para poder chegar a qualquer lugar.

Dinâmica

Quem conhece da dinâmica petista, diz que há, de fato, pela primeira vez, no horizonte, uma linha de dissidência entre os dois principais líderes petistas, Jaques Wagner e Rui Costa. E garante também que, no partido, o temor quanto ao risco de um racha entre eles promover uma derrota no projeto do partido de permanecer no governo da Bahia, em 2022, é cada vez maior.

Comemoração (Bruno Reis)

Tanto o prefeito Bruno Reis (DEM) quanto o governador Rui Costa se apressaram ontem em comemorar a aprovação dada pela Anvisa para uso das vacinas Coronavac e de Oxford contra a Covid 19. O democrata, mantendo a tradição de rapidez iniciada na gestão do antecessor ACM Neto, já anunciou, inclusive, o início da vacinação em Salvador nesta quarta-feira.

Censura!

Não se trata de uma autoridade, nem de um governante, mas sim da  instituição responsável pela saúde no país: o Ministério da Saúde. O Twitter bloqueou a seguinte mensagem: "Para combater a Covid-19, a orientação é não esperar. Quanto mais cedo começar o tratamento, maiores as chances de recuperação. Então, fique atento! Ao apresentar sintomas da Covid-19, #NãoEspere, procure uma Unidade de Saúde e solicite o tratamento precoce". Para o Twitter ainda vigora a decisão do ex-ministro Mandetta:"Só compareça a uma unidade hospitalar se estiver sentindo falta de ar!". Pode?

Codeba

A Companhia Docas da Bahia bateu recorde de movimentação em dezembro de 2020. Os portos de Salvador, Aratu-Candeias e Ilhéus registraram um aumento de 31,5% no volume de cargas movimentadas, se comparado ao mesmo período de 2019.Ponto Alto para o seu presidente  Almte. Autran.

Mais uma!

A Sony é outra marca internacional que anuncia o fechamento da sua fábrica no Brasil, localizada na Zona Franca de Manaus e que deixa de operar em março. Em nota divulgada em setembro passado, a empresa japonesa informou que a decisão foi tomada para fortalecer o negócio e ajudar a empresa a "responder às rápidas mudanças no ambiente externo". Vai fabricar automóveis elétricos na Europa.

Impeachment 1

O deputado estadual Jacó, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT), membros da Executiva do PT da Bahia e de São Paulo, jovens, mulheres, negros, indígenas, LGBTs, quilombolas, vereadores e ex-candidatos acompanharam no último sábado o 3º Seminário do PT de Todas as Lutas, evento que discutiu a conjuntura política pós-eleições 2020 e reforçou o movimento "Fora Bolsonaro".

Impeachment 2

Representante de um conjunto de movimentos sociais, o deputado Jacó não poupou críticas à política de desmonte do governo federal. "Estamos vivendo sob a ótica do capital, capital não tem alma, quer lucro, não tem a dimensão do social, das pessoas. Nosso país hoje é uma desmoralização. Políticas de acesso à água desapareceram, toda e qualquer política de proteção social deixou de existir", criticou.

Educação na pandemia

A vacinação dos profissionais da educação está na pauta de prioridades do deputado federal Bacelar (Podemos) que irá promover, junto com a deputada Alice Portugal (PCdoB) um debate sobre o assunto hoje. O encontro será virtual e contará com a participação de especialistas e parlamentares defensores da educação. Quem quiser, poderá acompanhar pelo Facebook ou YouTube (@deputadobacelar) a partir das 19h.

Serviços (Marquinho Viana)

O deputado Marquinho Viana (PSB) encaminhou indicação ao desembargador Lourival Trindade, presidente do Tribunal de Justiça da Bahia, sugerindo a elaboração de projeto de lei que institua e discipline “os serviços eletrônicos prestados de forma eletrônica e desburocratizada pelas centrais eletrônicas das atividades notariais e registrais” no Estado. Ao justificar a indicação que protocolou na Assembleia Legislativa, o socialista argumentou que as centrais de Serviços Eletrônicos Compartilhados de todas as especialidades “notariais e registrais” na Bahia “carecem de urgente regulamentação” para a manutenção dos serviços públicos que agora estão sendo prestados, em sua maioria de modo eletrônico, em razão da pandemia do coronavírus. A finalidade dessa regulamentação seria garantir à população a prestação de serviços cartorários “de forma mais eficiente, com menor custo, maior segurança e em menor tempo”.

Casos

A Bahia registrou ontem 3.041 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,6%) e 3.902 recuperados (+0,8%). Dos 537.772 casos confirmados desde o início da pandemia, 516.078 já são considerados recuperados e 12.056 encontram-se ativos. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático. Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (22,35%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (10.704,02), Muniz Ferreira (8.811,64), Conceição do Coité (8.617,07), Itabuna (8.426,86) e Itororó (8.424,10).

Mortes

As mortes pelo novo coronavírus ao longo da pandemia no Brasil aproximam-se da marca de 210 mil. Ontem, as autoridades de saúde notificaram 551 novos óbitos, totalizando 209.847. O painel de informações marcava 209.296 mortes acumuladas. Ainda de acordo com a atualização do Ministério da Saúde, os casos de covid-19 totalizam 8.488.809. Nas últimas 24 horas, foram registrados 33.040 novos diagnósticos. Ontem, o painel de estatísticas marcava 8.455.059 casos acumulados.

Em acompanhamento

O balanço apontou também 866.598 pacientes em acompanhamento. Outros 7.411.654 já se recuperaram da doença. Os estados com mais mortes são São Paulo (49.945), Rio de Janeiro (27.791), Minas Gerais (13.465), Ceará (10.223) e Pernambuco (10.020). As unidades da federação com menos óbitos são Roraima (811), Acre (836), Amapá (996), Tocantins (1.313) e Rondônia (2.005).






Compartilhe