Bolsonaro convoca reunião para tentar apaziguar bancada do PSL

Um bate-boca em um grupo de WhatsApp batizado de “Bancada PSL 2019” expõe disputas de poder


Tribuna da Bahia, Salvador
07/12/2018 17:17 | Atualizado há 8 dias, 10 horas e 45 minutos

   
Foto: AP Photo/Silvia Izquierdo

O presidente eleito Jair Bolsonaro deve se reunir na próxima quarta-feira (12) com parlamentares do PSL para tentar apaziguar os ânimos na bancada, a segunda maior da Câmara dos Deputados, informa a Folha.

Um bate-boca em um grupo de WhatsApp batizado de “Bancada PSL 2019”, revelado pelo Globo, expõe disputas de poder entre os atuais congressistas do partido de Bolsonaro e futuros parlamentares da legenda.

Protagonizaram as brigas o líder atual, Eduardo Bolsonaro (SP), filho do presidente eleito, a deputada eleita Joice Hasselmann (SP) e o senador eleito Major Olímpio (SP).

Nas conversas, o filho do presidente eleito chama a jornalista de “sonsa” e diz que ela tem “fama de louca”. Joice, por outro lado, o acusa de mandar “recadinhos infantis”.

Deputados da sigla afirmam reservadamente que a deputada eleita, que já avaliou ter grandes chances de ser a líder do governo, está isolada.


Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas