Neto cogita mudar equipe e Prates pode ganhar Secretaria de Saúde

Se a mudança for confirmada, Luiz Galvão, que assumiu a Secretaria de Saúde em maio do ano passado, deixará a pasta


Tribuna da Bahia, Salvador
13/06/2019 08:40 | Atualizado há 5 dias, 6 horas e 55 minutos

   
Foto: Max Haack/Secom-Salvado

Por Rodrigo Daniel Silva

O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), cogita novamente mexer na sua equipe, e o atual secretário municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre), Leo Prates (DEM), pode ganhar a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), uma das mais relevantes pastas da administração soteropolitana. Ontem, em entrevista à imprensa, o prefeito desconversou ao ser perguntado sobre mudanças no secretariado.

“Desde 2013, quando assumi a prefeitura, as pessoas sabem que não nomeio nem exonero pela imprensa. É óbvio que está na minha alçada e na minha competência poder promover mudança na minha equipe a qualquer hora. Isso não vai ser feito pela imprensa. Acompanhei as especulações que aconteceram sobre as mudanças. Por enquanto, não tem nada resolvido. Caso eu resolva mudar, vocês [os jornalistas] vão saber na hora certa. Posso mudar até o último dia em que for prefeito”, declarou.

Se a mudança for confirmada, Luiz Galvão, que assumiu a Secretaria de Saúde em maio do ano passado, deixará a pasta. Nos bastidores, o comentário é de que, apesar do bom desempenho administrativo, Galvão não conseguiu dar visibilidade midiática para pasta. Com a ida de Prates, ACM Neto esperaria projetar a secretaria, já que tem um perfil mais político. O prefeito disse, ontem, que confia no titular da Saúde. 

“Tenho confiança no secretário Luiz Galvão. Uma pessoa que tem um perfil bastante técnico, que conheço há muito tempo. Começou a trabalhar comigo em 2004. Já se vão 15 anos. Uma pessoa que tem ajudado a estruturar e organizar importantes processos na Secretaria de Saúde. É claro que cada um tem o seu perfil. Vejo especulação na imprensa e não dá para comparar os perfis de pessoas que são diferentes. Eu tenho o meu e cada um tem o seu. Agora, o Luiz Galvão, do ponto de vista técnico, é um quadro qualificado, competente e que tem toda minha confiança. Se eu farei ou não mudança nesta ou naquela pasta, isso tem a ver com a minha prerrogativa até o dia 31 de dezembro de 2020. E não será debatido publicamente e não vou permitir que ninguém possa fritar ou desgastar qualquer quadro”, afirmou.

Além de mudar a secretaria, ACM Neto teria ainda a intenção de fortalecer Leo Prates, que é apontado como o “plano de B”  – se o vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), não vingar – para a eleição de 2020. Ontem, Bruno Reis negou que a possível ida de Prates para Secretaria de Saúde tenha viés eleitoral. “Primeiro tem que ter a confirmação do prefeito. Estou tocando a cidade e o prefeito é quem decide formação de equipe, mas isso não tem qualquer vinculação política. Se ocorrer uma mudança, é sempre pensando em poder melhorar o desempenho por esta ou aquela pasta”, pontuou.

Caso se confirme a ida de Prates para a Secretaria de Saúde, a hoje secretária das prefeituras-bairro Ana Paula Matos deve assumir a Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza. Ligada a Bruno Reis, Ana Paula foi subsecretária da Sempre (à época Semps) quando o vice-prefeito era titular da pasta. Ainda não há especulações sobre quem pode ficar com as prefeituras-bairro se Ana Paula deixar o posto.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas