Bahia empata com o Palmeiras no Allianz

Com o ponto somado fora de casa, o Tricolor segue em décimo lugar, com 20 pontos


Tribuna da Bahia, Salvador
11/08/2019 18:47 | Atualizado há 10 dias, 3 horas e 0 minutos

   
Foto: Felipe Oliveira

Na tarde deste domingo (11), o Bahia visitou o Palmeiras e saiu de campo com um empate por 2 a 2 no Allianz Parque. O jogo foi válido pela 14ª rodada.

Com o ponto somado fora de casa, o Esquadrão segue em décimo lugar, com 20 pontos. O próximo desafio será contra o Goiás, no domingo (18), na Arena Fonte Nova.

O JOGO

Vindo de um resultado positivo diante do Flamengo, o Bahia entrou em campo buscando surpreender o Palmeiras. Porém, sofreu com o domínio inicial palmeirense, o que resultou em um gol logo nos primeiros minutos.

O placar foi aberto aos 12 minutos. Após cruzamento que partiu da esquerda do ataque alviverde, Moisés tentou cortar o lance, mas a bola tocou em seu joelho na direção do gol. Douglas espalmou para a frente e Dudu empurrou para o fundo das redes.

Após o amplo domínio do Palmeiras no começo da partida, o Bahia conseguiu equilibrar as ações e encaixar contra-golpes. Aos 25 minutos, Élber avançou em velocidade e tocou para Gilberto. O atacante driblou o goleiro e finalizou, mas o zagueiro Luan salvou o que seria gol tricolor.

Aos 30 minutos, Élber encontrou espaço fora da área e chutou nas mãos do goleiro Weverton. Em resposta, Luiz Adriano acertou um forte chute de longa distância e fez o goleiro Douglas executar grande defesa.

Antes do intervalo, o Bahia ficou com um jogador a mais em campo após Felipe Melo receber cartão vermelho por uma cotovelada no rosto de Lucca em uma disputa aérea.

SEGUNDO TEMPO

Para tentar buscar o resultado, Roger Machado voltou para o segundo tempo com um time mais ofensivo, lançando Arthur Caíke ao jogo no lugar de Giovanni.

EMPATE TRICOLOR

Logo nos primeiros minutos, a modificação surtiu efeito. Arthur recebeu bola da esquerda e cabeceou. O lateral Diogo Barbosa cortou com o braço e, com o auxílio do VAR, o árbitro Igor Junio Benevenuto apitou pênalti. Gilberto cobrou e deixou tudo igual no placar aos sete minutos.

PALMEIRAS MARCA O SEGUNDO

Aos 12, o Palmeiras voltou a estar à frente no placar em um lance de cobrança de lateral. Marcos Rocha arremessou a bola na direção da pequena área, a defesa tricolor falhou no posicionamento e deixou Dudu livre para marcar o segundo gol.

Com um gol atrás no placar, o Bahia seguiu buscando o resultado para pontuar. Em busca do empate, Roger tirou mais um volante e colocou Ramires em campo.

GILBERTO VOLTA A EMPATAR O JOGO

Aos 33 minutos, a arbitragem parou o jogo para avaliar e definir a marcação de um pênalti cometido a favor do Bahia. Aos 39, Gilberto partiu para a cobrança mais uma vez e deixou tudo igual no placar.

Logo após empatar, Gregore cometeu duas faltas em sequência, recebeu dois cartões amarelos e foi expulso.

Com mais de dez minutos de acréscimos, o Palmeiras pressionou pelo terceiro gol, enquanto o Bahia tentava encaixar contra-golpes para virar o placar. Porém, o empate se manteve até o fim.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas