ACM Neto sinaliza interesse em ter Bellintani no grupo na eleição de 2020

Para Neto, Bellintani não é “neste momento” um “adversário”, apesar dos rumores de que o dirigente pode ser candidato com apoio do governador Rui Costa


Tribuna da Bahia, Salvador
13/08/2019 09:24 | Atualizado há 30 dias, 22 horas e 21 minutos

   
Foto: Max Haack/Secom/Salvador

Por Rodrigo Daniel Silva

O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), sinalizou um certo interesse, ontem, em ter o presidente do Esporte Clube Bahia, Guilherme Bellintani, no seu grupo na eleição de 2020. Para o gestor soteropolitano, Bellintani não é “neste momento” um “adversário”, apesar dos rumores de que o dirigente esportivo pode ser candidato ao Palácio Thomé de Souza com apoio do governador Rui Costa (PT).  Ontem, Neto sugeriu que Bellintani “pode estar junto” com o seu grupo político no próximo pleito. “Por que vou vê-lo como adversário neste momento? Quem disse que ele não pode ser aliado? Quem disse que a gente não pode estar junto com algum tipo de desenho? Não tenho por que vê-lo como adversário neste momento. Por que vou fazer isso?”, indagou, em entrevista à imprensa. O prefeito afirmou que é cedo para falar da campanha de 2020.

“Já disse 20 mil vezes que só vou tratar de eleição e de nomes na virada do ano. Tá certo? Todo mundo sabe a relação que tenho com Guilherme. Uma relação que é de amizade além de ser uma relação profissional. Eu, de certa forma, descobri o talento de Guilherme, porque ele tinha muito sucesso na vida particular. Mas quem o trouxe para a vida pública fui eu. Passou por três secretarias e teve mais de cinco anos de trabalho conosco. Não tenho nenhum reparo a fazer. Nem vou ficar antecipadamente especulando se é A, B ou C, se vai ser fulano ou não vai ser beltrano. Acho que tem vários nomes ai que surgiram no nosso campo político. (Nomes) que têm qualidade, têm valor. Agora, vai chegar no fim do ano, conforme já disse, nós vamos fazer o anúncio do nosso candidato. Eu ter um candidato não significa dizer que vou demonizar outras pessoas”, pontuou.

ACM Neto também disse que é “especulação” sobre uma possível candidatura de Bellintani, com apoio de Rui Costa. “Tudo isso é especulação. Primeiro estão especulando que ele não será em nenhuma hipótese candidato nosso. Depois, estão especulando candidato do adversário. Pelo amor de Deus, tudo na política tem o seu momento. A minha relação pessoal com Guilherme não dá espaço para trabalhar esse tipo de especulação e comentário desconfortável pela imprensa”, declarou. 

O prefeito falou ainda sobre os rumores de que o subprocurador baiano Augusto Aras pode substituir Raquel Dodge na Procuradoria Geral da República (PGR). Para Neto, Aras seria um “grande procurador”. “Apesar de não ter uma relação íntima com o Augusto Aras, sei e reconheço a grande qualidade do jurista que ele é e do trabalho que ele faz, e será, se for escolhido, um grande procurador. Não tenho dúvida”, disse. O prefeito afirmou ainda que Aras daria representatividade ao estado no Judiciário nacional. “Claro que essa é uma decisão que cabe somente ao presidente da República. Ai eu vou dar uma declaração meio bairrista: se pudéssemos ter um baiano procurador-geral da República seria muito bom, até porque, hoje, a Bahia está sub-representada nas principais instancias do poder Judiciário”, opinou.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas