Ribeira vai ganhar uma nova Marina da Penha

As obras começam neste semestre e tem previsão de serem concluídas no segundo semestre de 2020


Tribuna da Bahia, Salvador
14/08/2019 13:34 | Atualizado há 7 dias, 8 horas e 14 minutos

   
Foto: Divulgação

Por: Lício Ferreira


Das 13 intervenções previstas para qualificar a Baía de Todos-os- Santos (BTS), nos próximos anos, a primeira já está definida: será a requalificação e ampliação da Marina da Penha, na península itapagipana, no bairro da Ribeira, em Salvador. O consórcio Pejota-Submarinervenceu a licitação e teve a homologação divulgada nesta terça-feira 13, no Diário Oficial do Estado. As obras começam neste semestre e tem previsão de serem concluídas no segundo semestre de 2020.

Segundo a Secretaria do Turismo do Estado (Setur)o investimento será superior a R$19 milhõese o financiamento é do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O projetono âmbito do Prodetur Nacional Bahiaprevê a construção de um prédio administrativo com lobby de espera; um galpão destinado a 56 vagas secas; pontos de venda de roteiros; e auditórios para transmissão de vídeos educativos sobre a Baía de Todos-os-Santos operacionalizado pelo Ministério do Turismo.No local, também serão realizados eventos. Haverá espaço para restaurante, café e serviços de internalização das embarcações, além de anexos (portaria, depósito de resíduos e ponto de controle do píer).

RELEVANTE

A Setur considera a Marina da Penha uma das intervenções náuticas mais relevantes do programa em implantação na Baía de Todos-os-Santos. Juntamente com as obras, o programa também implementará ações sociais para o desenvolvimento do turismo náutico-cultural.Ao todo, o investimento do Prodetur, na zona turística na BTS é de US$ 78 milhões para a requalificação de diversos equipamentos náuticos da capital e municípios do entorno.

À imprensa, osecretário estadual do Turismo Fausto Franco disse que o cronograma inclui novas licitações para os próximos meses. Em Salvador, o projeto abrange o Atracadouro do Museu de Arte Moderna (Solar do Unhão), Terminal Turístico de Bom Jesus dos Passos e Terminal Turístico de Ilha de Maré. Nos demais municípios, a requalificação será no Museu Wanderley Pinho, em Candeias; Base Náutica de Itaparica; Terminal Turístico deMaragojipe; Terminal Turístico de Cachoeira; Atracadouro de Mutá, em Jaguaripe e Atracadouro de Maragojipinho.

QUALIFICADA

Para dar esta qualificada, no entorno da Baia de Todos-os-Santos, o Estado da Bahia recebeu um financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID para financiar o custo do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo na Bahia - Prodetur Nacional Bahia. E se propôsa utilizar parte dos fundos deste financiamento para efetuar os pagamentos nos termos do Contrato de Empréstimo nº3682/OC-BR, sendo a licitação regida pelas normas e procedimentos de elegibilidade do Banco Interamericano de Desenvolvimento.

O Consórcio Pejota-Submariner(vencedor da chamada pública) teve que oferecer uma Garantia de Manutenção da Proposta, no montante de R$ 1.172.789,49 (hum milhão, cento e setenta e dois mil, setecentos e oitenta e nove reais e quarenta e nove centavos) para começar as obras em breve.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas