Incêndio que atinge Rio de Contas e Livramento é tido como controlado

Na região de Rio de Contas, na Área de Preservação Ambiental (APA) Serra do Barbado, duas aeronaves modelo airtractors atuam realizando resfriamento das chamas para que os 19 bombeiros militares e nove brigadistas voluntários possam acessar as áreas com m


Tribuna da Bahia, Salvador
22/10/2019 16:36 | Atualizado há 20 dias, 18 horas e 51 minutos

   
Foto: Divulgação

M ais de 30 bombeiros militares continuam a luta para combater os incêndios que atingiram uma área entre os municípios de Livramento de Nossa Senhora e Rio de Contas, na Chapada Diamantina. Nesta terça-feira (22), o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) informou que esse incidente foi controlado e está em fase de monitoramento.

Na região de Rio de Contas, na Área de Preservação Ambiental (APA) Serra do Barbado, duas aeronaves modelo airtractors atuam realizando resfriamento das chamas para que os 19 bombeiros militares e nove brigadistas voluntários possam acessar as áreas com mais segurança. Um helicóptero faz o transporte da tropa até os focos mais distantes. e na APA Marimbus-Iraquara há uma equipe com nove bombeiros militares florestais em combate.

Na última segunda-feira (21), a Secretaria do Meio Ambiente da Bahia (Sema) informou que o fogo foi debelado na florestal nas Gerais do Campo São João, no município de Palmeiras. Além disso, duas aeronaves Air Tractor passaram a atuar no combate às chamas. Elas estão dando suporte no combate e auxiliando na definição de estratégias de combate terrestre, com maior eficiência. Ainda não há informações sobre as causas do incêndio e o tamanho da área atingida.

Em nota, a Sema informou que para combater os incêndios, o Corpo de Bombeiros Militares da Bahia empregou um total de 28 florestais, bombeiros militares especialistas em Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais. Uma equipe atua em Livramento de Nossa Senhora, próximo à cachoeira do Rio Brumado, região conhecida como Véu de Noiva, que é de difícil acesso.

Outra equipe foi deslocada para Rio de Contas, onde foram identificados grandes focos distantes entre si que, inicialmente, foram combatidos por brigadistas voluntários capacitados pelo Corpo de Bombeiros, que continuam na operação. Outra equipe está na região conhecida como Serra da Cravada, entre os municípios de Iraquara, Palmeiras e Lençóis.

As equipes que estão trabalhando para apagar o fogo fazem parte do Programa Bahia Sem Fogo, do Governo do Estado. O programa atua na prevenção às queimadas, promovendo cursos para formação de peritos, treinamento de brigadistas, reuniões e oficinas com as comunidades rurais, campanhas de prevenção, sensibilização e educação ambiental e a organização de subcomitês. Ele foi criado em 2010 e é coordenado pela Sema. Informada do site Jornal da Chapada.

 

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas