Morre em Salvador Jesus Sangalo, irmão da cantora Ivete Sangalo

Empresário estava internado no Hospital Santa Izabel. Segundo funcionários, a causa da morte foi uma infecção generalizada provocada por complicações em uma cirurgia bariátrica


Tribuna da Bahia, Salvador
07/11/2019 12:56 | Atualizado há 12 dias, 16 horas e 6 minutos

   
Foto: Reprodução / Google Imagens

Morreu na manhã desta quinta-feira (7) o empresário Jesus Sangalo, de 54 anos, irmão da cantora Ivete Sangalo. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Izabel, em Salvador.

De acordo com a assessoria da unidade de saúde, o óbito foi atestado por volta das 10h. Funcionários contaram à reportagem que a causa da morte foi uma infecção generalizada provocada por complicações em uma cirurgia bariátrica.

Ainda segundo colaboradores do hospital, o corpo de Jesus Sangalo está sendo velado na própria unidade de saúde nesta tarde, com a presença de familiares, incluindo Ivete Sangalo.

O empresário estava com problemas de saúde desde 2018. Na época, ele foi internado e chegou a receber alta, porém foi internado novamente.

Em agosto deste ano, a cantora Ivete Sangalo fez uma sequência de "Stories" no Instagram falando sobre o estado de saúde do irmão.

"Eu queria agradecer pelas orações de vocês. Meu irmão já está bem, está evoluindo bastante, e a gente está muito feliz com isso. Agradeço a vocês pelo carinho e oração. Hoje foi um dia bem bom para todo mundo", disse ela.

Segundo funcionários do hospital, na quarta-feira (6), a cantora esteve no Hospital Santa Izabel para visitar o irmão. A família ainda não se posicionou após a morte de Jesus Sangalo.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de Ivete, que também confirmou a morte, mas informou que não tinha mais detalhes para divulgar.

Além de Jesus, Ivete Sangalo teve mais quatro irmãos: Cinthia, Ricardo, Mônica Sangalo e Marcos Sangalo, que morreu vítima de um atropelamento, em Salvador, quando a cantora tinha 16 anos.

Jesus Sangalo

Jesus Sangalo foi empresário da irmã por 15 anos. A parceria acabou em 2011, quando eles tiveram problemas por conta de acusações de desvio de dinheiro. O empresário negou as acusações.

Jesus chegou a comandar a banda de pagode "Fera Gorda" durante o auge do sucesso da irmã com a Banda Eva.

Depois de sair da produtora de Ivete, o empresário se afastou do ramo da música e passou a se dedicar aos negócios pessoais. Ele era dono de fazendas no interior da Bahia. Em 2016, Jesus chegou a vender cosméticos.

 

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas