Carnaval: 166 notificações foram emitidas em vistoria de camarotes

A liberação para montagem não garante o funcionamento destes espaços. O alvará de funcionamento só é emitido após uma inspeção final nas estruturas concluídas


Tribuna da Bahia, Salvador
13/01/2020 10:05 | Atualizado há 14 dias, 3 horas e 39 minutos

   
Foto: Divulgação / Sedur

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) colocou nas ruas a operação Pré-Carnaval nos Circuitos Dodô (Barra-Ondina) e Osmar (Campo Grande). O objetivo é garantir o ordenamento e segurança do Carnaval de Salvador.

Somente no sábado (11), os técnicos do órgão emitiram 166 notificações. “O trabalho de fiscalização do órgão será realizado todas as quartas-feiras e aos sábados, até o início do Carnaval e durante a festa terá continuidade com a presença de mais de 300 fiscais espalhados pelos circuitos, em regime de 24 horas. O nosso papel é garantir a ordem da festa e o cumprimento da legislação”, afirmou o diretor de fiscalização da Sedur, Átila Brandão Júnior.

Durante a vistoria, os técnicos orientaram os responsáveis pelos camarotes sobre algumas regras que garantem o ordenamento da cidade, como a não ocupação dos espaços públicos, que pode comprometer a circulação dos pedestres e a importância de se cumprir o horário de carga e descarga. Além disso, sobre o cuidado para não danificar áreas públicas durante o processo de montagem e, caso isso aconteça, a obrigatoriedade da recomposição desses espaços.

Os responsáveis também foram alertados sobre a necessidade de seguir normas de segurança que vão garantir o bom funcionamento das estruturas, como a realização adequada do sistema de aterramento, equipamentos de proteção contra incêndio, rotas de fuga e itens como sinalizadores, balizadores e extintores. Até o momento, sete camarotes já solicitaram a autorização para montagem das estruturas. Entre eles estão os Camarotes Via Folia, Harém, Planeta Band, Salvador, Skol, Mirante de Ondina e Villa Mix.

A liberação para montagem não garante o funcionamento destes espaços. O alvará de funcionamento só é emitido após uma inspeção final nas estruturas concluídas. Para dar início a montagem dos camarotes é obrigatório fazer a solicitação de alvará junto à Sedur. Caso o responsável não tenha o documento, a montagem será embargada.

Os interessados em montar as estruturas para o Carnaval 2020 devem solicitar a autorização na sede do órgão, localizada na Avenida ACM, Empresarial Thomé de Souza. Em 2019 foram licenciados 22 camarotes nos dois circuitos da festa.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas