Bairro do Comércio é tema da terceira edição do Laje Talks desta terça-feira

O encontro será às 18h no terraço da sede da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis)


Tribuna da Bahia, Salvador
13/01/2020 16:27 | Atualizado há 13 dias, 21 horas e 29 minutos

   
Foto: Divulgação /Marcelo Granda

Conhecido como o coração de Salvador até meados do século XX, o Comércio tem sido, nos últimos anos, uma das áreas da cidade com potencial para se tornar o bairro do futuro. Será? Com o tema Comércio, o bairro do futuro? o Laje Talks desta terça-feira (14) abre espaço para um bate-papo interessante sobre esse importante bairro de Salvador. O encontro será às 18h no terraço da sede da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do link bit.ly/LajeTalks3.

Com a proposta de conversar sobre temas de interesse público associados à sustentabilidade e que dialoguem com a cidade, o Laje Talks já reuniu nas duas edições cerca de 150 pessoas. Mediado pelo secretário da Secis, André Fraga, para esta terça o Laje convidou para falar sobre o assunto o arquiteto e especialista em conservação e restauração de monumentos e conjuntos históricos, Francisco Senna. Professor adjunto aposentado da Faculdade Arquitetura da UFBA, Senna é membro da Academia de Letras da Bahia, foi pró-reitor de extensão da UFBA e presidente da Fundação Gregório de Matos.

Outro convidado que estará na laje da Secis, é o diretor da FERA Investimentos – Paulo Marques. Paulo foi o project manager da revitalização do Fera Palace Hotel, edificação de 1934 reaberta como hotel boutique. Ele é engenheiro civil formado pela UFBA e com MBA pela Fundação Getúlio Vargas. Atualmente lidera o masterplan Imobiliário do grupo, que propõe reocupar diversos prédios com coworkings, residenciais, lojas e centro gastronômico no bairro mais antigo e culturalmente rico da capital baiana, seguindo exemplos mundiais bem sucedidos como o Puerto Madero, em Buenos Aires, e o Meat Packing District, em Nova York.

E para falar da experiência e dos desafios de empreender por tantos anos no Comércio o tradicional restaurante Colon, um dos mais antigos do bairro, foi chamada a soteropolitana Mara Orge. O Colon é fruto de um grande esforço empreendido pelo visionário imigrante espanhol José Maria Orge, em 1914.

Também com presença confirmada no bate-papo: Iuri Barreto, autor do Guia do Soteropobretano, página com mais de 120mil seguidores nas redes sociais. Iuri é formado em Direito pela Universidade Federal da Bahia e Gerente de Comunicação da Grou Turismo.

E para completar a roda, Gustavo Menezes, diretor de Parceria Público Privada da Prefeitura de Salvador. Gustavo é administrador com especialização em Finanças e Project Finance, atuou tanto na iniciativa privada como no setor público, tendo liderado projetos como as concessões e PPPs da Rodovia Bahia Norte, VLT do Rio, Hub Salvador e Centro de Convenções de Salvador.

Terraço – Com 300 metros quadrados e capacidade para receber cerca de 80 pessoas, o terraço da Secis é um espaço alternativo no bairro do Comércio para receber eventos em formatos menos convencionais. Longe de ar-condicionados mas perto de hortaliças, placas solares e de um criatório de abelhas sem ferrão, o local faz parte de um projeto arquitetônico e paisagístico voltado para a sustentabilidade, que envolve, entre outras iniciativas, a gestão sustentável das águas, eficiência e energias renováveis, e coleta seletiva, além do incentivo à mobilidade ativa e a não utilização de descartáveis.  

Serviço:

O quê: Laje Talks – Roda de conversa com o tema “Comércio: o bairro do futuro?”

Quando: Terça-feira (14), às 18h.

Onde: Sede nova da SECIS, na Rua da Grécia, esquina com Av. Miguel Calmon – Comércio.

Inscrições gratuitas através do link http://bit.ly/lajetalks3

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas