Inter cria pouco no ataque e fica no zero com o Tolima na Colômbia

Time de Eduardo Coudet precisa vencer na próxima quarta no Beira-Rio para classificar. Colombianos garantem vaga até com empate com gols, enquanto novo 0 a 0 leva decisão aos pênaltis


Tribuna da Bahia, Salvador
19/02/2020 23:48 | Atualizado há 19 dias, 6 horas e 48 minutos

   
Foto: Reprodução/Twitter Conmebol Libertadores

O Inter ficou no 0 a 0 com o Tolima na primeira partida da terceira fase da Libertadores, na noite desta quata-feira, em Ibagué, na Colômbia. O time colorado teve atuação apagada no Estádio Manuel Murillo Toro, criou pouquíssimo e, apesar de ter a posse de bola, voltou com o empate na bagagem para decidir em Porto Alegre.

O JOGO

A etapa inicial pecou pela qualidade, o que chamou atenção pelo começo. Logo aos dois minutos, Boschilia obrigou Montero a fazer grande defesa. Depois, no entanto... As equipes tentavam superar a marcação adversária, mas abusavam dos passes errados. Paolo Guerrero, mesmo com a parceria de Marcos Guilherme, era pouco acionado. O Tolima busca confundir a defesa do Inter com a velocidade de Albornoz, Campaz e Estupiñán. E, por vezes, conseguiu. Só que teve apenas duas oportunidades, ambas com Campaz. A primeira para fora e a última, já nos acréscimos, defendida por Marcelo Lomba.

O Inter se contentou com o empate em 0 a 0. Teve pouca agressividade, especialmente na etapa final, e administrou o resultado sem praticamente finalizar até os últimos momentos. Boschilia chutou quando a partida estava nos acréscimos e obrigou Montero a se esticar para evitar o gol colorado. Na defesa, o Tolima tentou usar a velocidade, mas não fez Lomba trabalhar muito.

Poucas chances na partida

Boschilia foi o nome das chances coloradas. Logo nos primeiros minutos, obrigou Montero a fazer grande defesa. Depois, foi ele também o responsável a arrematar no gol quando a partida estava praticamente encerrada. Foram as finalizações na meta do Inter. Pelo lado do Tolima, Lomba fez intervenções no primeiro tempo, especialmente em cruzamentos rasteiros. Na etapa final, a melhor chance dos colombianos foi cortada por um carrinho certeiro de Bruno Fuchs.

Próximo jogo

A decisão da vaga no Grupo E da Libertadores será na próxima quarta-feira, às 21h30, no Beira-Rio. O vencedor dá a classificação ao Inter, enquanto empate com gols é do Tolima.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas