Barragem dos Macacos tem risco de romper e moradores denunciam

São mais de 300 moradores do Quilombo Rio dos Macacos que tomou conhecimento dessa triste notícia, nesta terça-feira 19

Tribuna da Bahia, Salvador
20/05/2020 09:40 | Atualizado há 3 dias, 17 horas e 46 minutos

   
Foto: Divulgação/Quilombo Rio dos Macacos

Por: Lício Ferreira


Uma comunidade negra, rural, composta por famílias descendentes de escravos, e cuja história remonta há mais de um século de existência, está em completa apreensão para saber para onde será levada por determinação do Ministério Público Federal (MPF). São mais de 300 moradores do Quilombo Rio dos Macacos que tomou conhecimento dessa triste notícia, nesta terça-feira 19. A pela Defesa Civil de Salvador (Codesal) que foi acionada pelo MPF está avaliando a questão, uma vez que a localidade tem jurisdição federal - por ser dentro da Base Naval de Aratu - propriedade da Marinha do Brasil.

Em entrevista, ao vivo, a uma emissora de TV local, a líder comunitária Rose Meire dos Santos Silva, membro da Associação Quilombola de Rio dos Macacos, e também moradora da comunidade, disse claramente que, “a rachadura da Barragem dos Macacos é de 56 metros e não de apenas 14 como estão anunciando. E quem inspecionou, não andou por debaixo do túnel, que está todo rachado”. Em seguida disparou: “A barragem está condenada, e não é de agora que estamos pedindo socorro ao Ministério Público Federal. Afinal, são vidas, que estão em jogo, e com vidas, a gente não brinca; pois, quando se perde uma vida, ela não volta mais!”.

Segundo recentes inspeções da Codesal, a Barragem dos Macacos corre sério risco de se romper. Principalmente, devido às fortes chuvas, que vem caindo sucessivamente na capital baiana e em cidades da Região Metropolitana de Salvador (RMS). Essa barragem é artificial e foi construída pela Marinha do Brasil. Sua rede de mananciais, é destinada à captação de água para o abastecimento do Complexo Naval de Aratu (CNA), que reúne diversas organizações militares e presta o apoio logístico aos navios da Marinha do Brasil, que atuam rotineiramente em prol da manutenção da soberania do Brasil em suas águas jurisdicionais e da salvaguarda da vida humana no mar, realizando operações de patrulha e de busca e salvamento.

TRANSFERÊNCIA

A respeito da possível transferência dos moradores, ainda nesta semana (prazo termina na próxima sexta-feira), Rosemeire Silva disse que não é uma simples retirada. “Tem que ver para onde essas famílias querem ficar. Elas já têm uma cultura vivenciada no local e colocar essas pessoas em outra cultura vai mexer com todo mundo. Desde os mais novos aos mais velhos. É preciso conversar com essas famílias. Tudo, por falta de responsabilidades dos poderes públicos. A Marinha de Guerra do Brasil é que é para tomar conta da barragem e não faz a manutenção”, reclama.

Contudo, a verdade precisa ser dita. Rosemeire Silva ainda nem era nascida, quando antigas matriarcas, mulheres quase centenárias, estabeleceu o Quilombo Rio dos Macacos. Nas redes sociais, em publicações recentes, a comunidade destaca que a barragem passa por total descaso dos órgãos responsáveis. "Já denunciamos aos órgãos competentes a real situação. A Marinha e o Governo estão sendo omissos", diz a publicação no Instagram.

A líder comunitária Rosemeire Silva se destacou, a partir das últimas lutas dos quilombolas pelo reconhecimento das terras, onde vivem. "A gente tinha mais de 900 hectares de terra na região, mas infelizmente essa área foi reduzida para 301 hectares. Na portaria do Incra ficou para nós apenas 104 hectares. Mas vamos continuar lutando pelo restante. A parte maior ficou com a Marinha, por onde passa um rio e onde foi feita uma barragem. Ela também é uma área da comunidade, de onde tiramos nosso sustento com pescados”, justifica.

De acordo com o Incra, a área onde hoje os quilombolas residem foi delimitada pelo Relatório Técnico de Identificação e Delimitação (RTID), emitido em 2014. São exatos 104.0806 hectares e os outros restantes permanecem sob a administração da Marinha, uma vez que, conforme a decisão, a área é de “Interesse estratégico à defesa nacional”.

Compartilhe       

 




Mais sobre

CIDADE | 22/09/2020 10:35 - Há 1 dia, 16 horas e 51 minutos
Incêndio em vegetação no oeste da Bahia continua após uma semana

CIDADE | 22/09/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 56 minutos
Salvador não registra mortes por covid-19 nos últimos seis dias

CIDADE | 22/09/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 56 minutos
Pouca movimentação no primeiro dia de reabertura das praias

CIDADE | 22/09/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 56 minutos
Tribunal determina fim da greve nos Correios

CIDADE | 22/09/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 56 minutos
Fábrica baiana é finalista no Prêmio Época Negócios Reclame AQUI

CIDADE | 21/09/2020 15:55 - Há 2 dias, 11 horas e 31 minutos
Fumaça de queimadas no Pantanal se desloca para países da América do Sul

CIDADE | 21/09/2020 15:44 - Há 2 dias, 11 horas e 42 minutos
Entidades e personalidades assinam carta em defesa do Pantanal

CIDADE | 21/09/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 56 minutos
Moradores de Salvador desrespeitam decreto e ocupam as praias no domingo

CIDADE | 21/09/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 56 minutos
Chegada da Primavera promete sol e calor na Bahia

CIDADE | 21/09/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 56 minutos
Livraria Saraiva fecha todas as suas unidades em Salvador

CIDADE | 20/09/2020 06:40 - Há 3 dias, 20 horas e 46 minutos
Biodiversidade marinha na Bahia ainda sofre com danos das manchas de óleo

CIDADE | 20/09/2020 06:40 - Há 3 dias, 20 horas e 46 minutos
Não há registro de morte por Covid para moradores de rua em Salvador

CIDADE | 20/09/2020 06:40 - Há 3 dias, 20 horas e 46 minutos
Pesquisa aponta efeitos da pandemia nos festejos juninos da Bahia

CIDADE | 20/09/2020 06:40 - Há 3 dias, 20 horas e 46 minutos
Escola Municipal de Dias d’Ávila é destaque no IDEB

CIDADE | 19/09/2020 06:40 - Há 4 dias, 20 horas e 46 minutos
'Ninguém veio aqui fazer a vistoria', diz homem que teve casa danificada durante terremotos

CIDADE | 19/09/2020 06:40 - Há 4 dias, 20 horas e 46 minutos
Caixa d’água tomba e causa falta de energia no bairro da Pituba

CIDADE | 19/09/2020 06:40 - Há 4 dias, 20 horas e 46 minutos
Praias são liberadas, mas ambulantes continuam proibidos

CIDADE | 18/09/2020 14:18 - Há 5 dias, 13 horas e 7 minutos
Prefeitura mantém restrições em Águas Claras, Santa Cruz e NE de Amaralina

CIDADE | 18/09/2020 11:28 - Há 5 dias, 15 horas e 57 minutos
Experiências gastronômicas se reinventam no Brasil

CIDADE | 18/09/2020 11:06 - Há 5 dias, 16 horas e 20 minutos
Bahia melhora no ranking nacional sobre insegurança alimenta

CIDADE | 18/09/2020 10:56 - Há 5 dias, 16 horas e 30 minutos
Petrobrás se desfaz de ativos na Bahia e preocupa trabalhadores

CIDADE | 18/09/2020 10:34 - Há 5 dias, 16 horas e 51 minutos
STF determina retirada da Força Nacional no sul da Bahia após pedido da PGE

CIDADE | 18/09/2020 06:30 - Há 5 dias, 20 horas e 56 minutos
Após mobilizações, Neto pode liberar praias nesta sexta-feira

CIDADE | 18/09/2020 06:30 - Há 5 dias, 20 horas e 56 minutos
Denunciado por suspeita de estupro, José Tércio é considerado foragido após operação do MP

CIDADE | 17/09/2020 19:31 - Há 6 dias, 7 horas e 54 minutos
ABMP aposta no alcance global do Scream 2020 virtual

CIDADE | 17/09/2020 18:45 - Há 6 dias, 8 horas e 41 minutos
Empresa assume compromisso de ajudar 2,5 milhões de brasileiros a reduzirem o consumo excessivo de álcool

CIDADE | 17/09/2020 15:02 - Há 6 dias, 12 horas e 24 minutos
Congresso reunirá grandes especialistas para discutir autismo

CIDADE | 17/09/2020 14:59 - Há 6 dias, 12 horas e 27 minutos
Militar da Marinha morre durante viagem de instrução na BA

CIDADE | 17/09/2020 14:53 - Há 6 dias, 12 horas e 32 minutos
Ministro da Educação diz que por ele aulas voltariam amanhã

CIDADE | 17/09/2020 14:13 - Há 6 dias, 13 horas e 13 minutos
Inaugurada nova sede de programa que combate desperdício de alimentos