Governo vai trocar líder na Câmara por nome do Centrão

O deputado federal Major Vitor Hugo (PSL-GO) afirmou que vai deixar a liderança do governo Jair Bolsonaro na Câmara

Tribuna da Bahia, Salvador
13/08/2020 06:30 | Atualizado há 14 dias, 22 horas e 6 minutos

   
Foto: Divulgação

O deputado federal Major Vitor Hugo (PSL-GO) afirmou ao Estadão que vai deixar a liderança do governo Jair Bolsonaro na Câmara. Ele será substituído pelo ex-ministro da Saúde, deputado federal Ricardo Barros (Progressistas-PR), que integra o Centrão, grupo de partidos do qual o Palácio do Planalto se aproximou nos últimos meses. O líder afirmou que foi comunicado pelo presidente na semana passada. A troca será oficializada na próxima terça-feira, 18. Ontem, Barros já participa de uma reunião com Bolsonaro, ministros e líderes no Palácio do Planalto.

“Desde a semana passada, o presidente vinha sinalizando para mim que gostaria de fazer uma mudança na liderança. Ele fez uma nova avaliação de cenário em função dos novos desafios que vão ser colocados agora, como as reformas que terão que ser aprovadas, e ele decidiu fazer a mudança”, disse Vitor Hugo.

O parlamentar afirmou que segue na base do governo. “Eu vou continuar sendo um apoiador do presidente na Câmara e vou estar à disposição do presidente para novos desafios se eles surgirem. Senti na conversa com o presidente que nossa relação se mantém intacta. ”, afirmou o deputado do PSL. Questionado se a troca na liderança é mais um estreitamento do governo com Centrão, o deputado evitou respondeu. “Essa pergunta tem que ser feita ao presidente. Esse detalhamento do cenário ele não me passou.”

Deputado de primeiro mandato, Vitor Hugo era alvo de críticas constantes por parte de parlamentares e dos integrantes do governo, como o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, responsável pela articulação política do Palácio do Planalto.

Apesar da pressão para que trocasse o líder principalmente após se aproximar do Centrão, Bolsonaro resistiu em fazer a mudança e diversas vezes negou que cogitasse fazer a alteração, como ocorreu em transmissão ao vivo na internet no dia 24 de julho. A aliados, o presidente dizia que só tiraria Vitor Hugo se o colocasse em outra posição de destaque.

Bolsonaro chegou a cogitar a indicar o aliado ao Ministério da Educação. Recentemente, outra hipótese considerada era entregar a ele um Ministério da Segurança Pública, cuja recriação vem sendo discutida. O presidente, no entanto, diz que a nova pasta, que seria desmembrada da Justiça, só sairia do papel se aprovada a autonomia do Banco Central. “Não foi tratado nenhum ministério comigo. Eu imagino que o Ministério de Segurança Pública teria uma relação mais natural com meu currículo. Fui comandante do destacamento contra terrorismo do Exército, passei em primeiro lugar no concurso nacional na Câmara de Deputados na área de segurança púbica e defesa nacional, mas essa é uma decisão do presidente”, disse Vitor Hugo.

O deputado diz que entregará a liderança para Barros em uma situação muito mais tranquila do que encontrou no início do governo, quando a resistência era maior a Bolsonaro, que foi eleito por dois partidos pequenos - PSL e PRTB - e com um discurso com duras críticas ao Congresso. “Naquela altura, muito diferente do que é hoje, havia um movimento de ruptura. Foi uma construção muito difícil, muito desafiadora para mim. Não apenas por ser um deputado de primeiro mandato, mas por ser um cenário em que os líderes de muitos partidos não queriam se aproximar do governo e também não havia por parte do governo interesse em criar uma base naquele momento”, disse.

Pelo Twitter, Barros agradeceu a indicação de seu nome para o posto. “Agradeço ao presidente Jair Bolsonaro pela confiança do convite para assumir a liderança do governo na Câmara dos Deputados com a responsabilidade de continuar o bom trabalho do Líder Vitor Hugo, de quem certamente terei colaboração. Deus me ilumine nesta missão”, escreveu ele.

Sob pressão de aliados e após sofrer sucessivas derrotas políticas, Bolsonaro passou nos últimos meses a distribuir cargos aos partidos do Centrão, em troca de votos no Congresso, ressuscitando a velha prática do “toma lá, dá cá”. No casamento de papel passado, Progressistas já indicou nomes para cargos no Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas) e no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Em entrevista ao Estadão/Broadcast na semana passada, o presidente do Progressistas, senador Ciro Nogueira, afirmou apoiar a reeleição de Bolsonaro em 2022. “Hoje acredito que 90% do partido apoiaria a recondução”, disse ele.


Estadão Conteúdo

Compartilhe       

 




Mais sobre

POLÍTICA | 26/09/2020 06:30 - Há 1 dia, 22 horas e 6 minutos
Celso de Mello diz que antecipou aposentadoria do STF por razões médicas

POLÍTICA | 26/09/2020 06:30 - Há 1 dia, 22 horas e 6 minutos
Raio Laser - 26/09 - Restrições

POLÍTICA | 25/09/2020 14:19 - Há 2 dias, 14 horas e 17 minutos
Campanha de Bruno vai optar por carreatas ao invés de comícios

POLÍTICA | 25/09/2020 14:12 - Há 2 dias, 14 horas e 24 minutos
Ampliação do seguro-desemprego não pode ser feita "de afogadilho", diz Mourão

POLÍTICA | 25/09/2020 14:06 - Há 2 dias, 14 horas e 29 minutos
Lava Jato denuncia Wassef e mais 4 por peculato e lavagem de dinheiro

POLÍTICA | 25/09/2020 11:03 - Há 2 dias, 17 horas e 33 minutos
Em livro, Mandetta acusa Bolsonaro de negacionismo

POLÍTICA | 25/09/2020 10:50 - Há 2 dias, 17 horas e 46 minutos
Major Denice e Bruno Reis têm primeiro embate judicial

POLÍTICA | 25/09/2020 06:30 - Há 2 dias, 22 horas e 6 minutos
Bolsonaro diz que fez 'aproximação' ao citar auxílio emergencial de mil dólares

POLÍTICA | 25/09/2020 06:30 - Há 2 dias, 22 horas e 6 minutos
Bolsonaro volta a defender volta às aulas durante a pandemia

POLÍTICA | 25/09/2020 06:30 - Há 2 dias, 22 horas e 6 minutos
Raio Laser - 25/09 - Vitória

POLÍTICA | 24/09/2020 13:46 - Há 3 dias, 14 horas e 50 minutos
Alcolumbre não tem respaldo para reeleição, diz nota da consultoria do Senado

POLÍTICA | 24/09/2020 13:43 - Há 3 dias, 14 horas e 53 minutos
Araújo diz que declarações de Pompeo foram alvo de má tradução

POLÍTICA | 24/09/2020 10:58 - Há 3 dias, 17 horas e 38 minutos
Candidatos a prefeitos na Bahia mudam cor da pele em registro do TSE

POLÍTICA | 24/09/2020 06:30 - Há 3 dias, 22 horas e 6 minutos
Procuradoria cobra à Justiça que avalie afastamento imediato de Ricardo Salles

POLÍTICA | 24/09/2020 06:30 - Há 3 dias, 22 horas e 6 minutos
Ao se defender, Witzel diz que está sendo 'linchado' e cita Tiradentes

POLÍTICA | 24/09/2020 06:30 - Há 3 dias, 22 horas e 6 minutos
Alerj autoriza continuidade do processo de impeachment contra Witzel

POLÍTICA | 24/09/2020 06:30 - Há 3 dias, 22 horas e 6 minutos
Raio Laser 24/09 - Parque de Exposições 1

POLÍTICA | 23/09/2020 11:47 - Há 4 dias, 16 horas e 48 minutos
Fase 75ª da Lava-Jato mira em propinas em contratos de navios da Petrobras

POLÍTICA | 23/09/2020 06:30 - Há 4 dias, 22 horas e 6 minutos
'Se a mídia está criticando, é porque o discurso foi bom', diz Bolsonaro

POLÍTICA | 23/09/2020 06:30 - Há 4 dias, 22 horas e 6 minutos
Aprovada na Câmara, CNH válida por 10 anos vai a sanção

POLÍTICA | 23/09/2020 06:30 - Há 4 dias, 22 horas e 6 minutos
Raio Laser 23/09 - Frente

POLÍTICA | 22/09/2020 15:46 - Há 5 dias, 12 horas e 50 minutos
Para Mourão, discurso de Bolsonaro na ONU está dentro da visão do governo

POLÍTICA | 22/09/2020 15:39 - Há 5 dias, 12 horas e 57 minutos
Parlamentares repercutem discurso de Bolsonaro na ONU

POLÍTICA | 22/09/2020 15:30 - Há 5 dias, 13 horas e 6 minutos
TSE começa a registrar candidaturas de prefeitos e vereadores da Bahia em site

POLÍTICA | 22/09/2020 11:25 - Há 5 dias, 17 horas e 11 minutos
Em discurso na ONU, Bolsonaro fala sobre meio ambiente

POLÍTICA | 22/09/2020 10:30 - Há 5 dias, 18 horas e 6 minutos
Carlos Bolsonaro: 'ONGs vagabundas' fazem 'movimento orquestrado' contra meu pai

POLÍTICA | 22/09/2020 10:28 - Há 5 dias, 18 horas e 8 minutos
Ministro rejeita 'herdar' inquérito de Bolsonaro

POLÍTICA | 22/09/2020 06:30 - Há 5 dias, 22 horas e 6 minutos
Tribunal tem maioria de votos para tornar Crivella inelegível

POLÍTICA | 22/09/2020 06:30 - Há 5 dias, 22 horas e 6 minutos
Raio Laser - 22/09 - Inventário

POLÍTICA | 21/09/2020 15:59 - Há 6 dias, 12 horas e 37 minutos
Exército ignora regra de 2004 para trocar dados sobre armas com a PF