Bahia lidera ranking de rebanho de ovinos no país, aponta IBGE

O valor total da produção animal no estado cresceu pelo terceiro ano consecutivo (+8,7%) e atingiu seu recorde histórico: R$ 1,6 bilhão

Tribuna da Bahia, Salvador
16/10/2020 06:30 | Atualizado há 19 dias, 21 horas e 58 minutos

   
Foto: Reprodução / TVTEM

Por: Bernardo Rego - Estagiário


O setor da pecuária no estado da Bahia registrou bons números em 2019. É o que aponta a Pesquisa da Pecuária Municipal (PPM) 2019 divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira (15). Os galináceos e a produção de ovinos bateram recordes históricos. Houve crescimento de quase todos os rebanhos frente a 2018. A única exceção foi o efetivo de equinos, que teve queda de -0,7% (menos 3.324 animais), chegando a 505,6 mil cabeças.

Segundo os dados do levantamento, entre 2018 e 2019, a Bahia teve o 3º maior crescimento do país no número de galináceos, que chegou a 49,4 milhões de animais, maior quantidade em 45 anos. Com o segundo maior aumento absoluto do país, o rebanho baiano de ovinos também bateu recorde, chegando a 4,5 milhões de animais, o maior efetivo do Brasil.

Ainda segundo a pesquisa, o estado se manteve no posto de maior rebanho de caprinos do país (3,5 milhões de cabeças) e passou a ter os três municípios brasileiros com mais animais: Casa Nova, Juazeiro e Curaçá. Outro destaque é o rebanho de bovinos que voltou a registrar aumento de 2,9% e teve o segundo maior aumento absoluto do país (mais 290,9 mil animais);

De acordo com o levantamento, a produtividade do leite na Bahia cresceu pelo sétimo ano consecutivo e chegou a novo recorde para o estado: 1,34 mil litros por vaca ordenhada. O valor total da produção animal no estado cresceu pelo terceiro ano consecutivo (+8,7%) e atingiu seu recorde histórico, R$ 1,6 bilhão. Só o mel teve um valor de produção menor em 2019 do que em 2018 (-5,0%, ficando em R$ 26,1 milhões).

O valor da aquicultura baiana voltou a crescer (+22,4% frente a 2018) e foi a R$ 146,1 milhões, também atingindo seu patamar mais alto desde que a atividade passou a ser investigada pela PPM, em 2013. Houve altas nos valores das produções em cativeiro de peixes (+11,7%, chegando a R$ 91,3 milhões) e camarões (+70,9%, indo a R$ 46,8 milhões), embora tenha havido recuo nos valores dos alevinos (-20,4%, indo a R$ 7,7 milhões) e de ostras, vieiras e mexilhões (-52,4%, ficando em R$ 252 mil).

O aumento na quantidade de galináceos na Bahia, em 2019, veio depois de dois anos seguidos de quedas e foi puxado pelo crescimento do efetivo destinado ao abate, que passou de 38,2 milhões para 43,3 milhões animais, entre 2018 e 2019 (+13,6%). Em contrapartida, o número de galinhas poedeiras (para produção de ovos) mostrou leve recuo, de 6,08 milhões para 6,04 milhões de animais (-0,6%). Em 2019, Barreiras (6,9 milhões de animais), Conceição da Feira (4 milhões) e Luís Eduardo Magalhães (3,2 milhões) eram os municípios baianos com os maiores plantéis de galináceos.

Apesar do bom desempenho entre 2018 e 2019, a Bahia se manteve, no ano passado, com o 8º maior efetivo de galináceos do país, respondendo por 3,4% do total nacional, que foi de 1,5 bilhão de animais (+0,1% em relação a 2018). Em 2019, a Bahia respondeu por 31,0% do rebanho brasileiro de caprinos, estimado em 11,3 milhões de animais, e por 22,8% de todos os 19,7 milhões de ovinos do país.

Os três maiores rebanhos de caprinos estão na Bahia: em Casa Nova (528,9 mil animais), Juazeiro (272,9 mil) e Curaçá (266,9 mil). Os dois últimos tiveram os maiores aumentos absolutos do país entre 2018 e 2019 (mais 26,1 mil e mais 23,4 mil cabeças respectivamente) e ganharam posições no ranking nacional, fazendo Petrolina/PE (264 mil animais) cair de 2º para 4º lugar.

O município de Casa Nova também tinha, em 2019, o maior rebanho de ovinos do Brasil: 463,7 mil animais. O segundo lugar ficava com Sant'Ana do Livramento/RS (301,2 mil), mas em seguida vinham Remanso (283,8 mil animais) e Juazeiro (278,3 mil), também na Bahia.

Outro efetivo que registrou crescimento foram os suínos (+1,2%), que chegou a 1,127 milhão de animais. O estado tem apenas o 10º maior rebanho de suínos do país, respondendo por 2,8% dos 40,6 milhões de animais existentes no país. A região Sul lidera, e os maiores efetivos estão em Santa Catarina (7,6 milhões de animais, 18,7% do total), Paraná (6,8 milhões, 16,9%) e Rio Grande do Sul (5,6 milhões, 13,9%).

Compartilhe       

 




Mais sobre

CIDADE | 05/05/2021 13:00 - Há 15 horas e 28 minutos
Ministério libera verba para estados investirem em segurança pública

CIDADE | 05/05/2021 12:31 - Há 15 horas e 56 minutos
Decreto do Governo do Estado altera medidas restritivas em Salvador

CIDADE | 05/05/2021 12:19 - Há 16 horas e 9 minutos
Policiais militares salvam bebê de dois anos engasgada

CIDADE | 05/05/2021 12:00 - Há 16 horas e 28 minutos
Deputada Flordelis e mais nove vão enfrentar o júri popular

CIDADE | 05/05/2021 11:43 - Há 16 horas e 44 minutos
Operação Plantio Chuva da prefeitura chega ao bairro de São Cristóvão

CIDADE | 05/05/2021 11:00 - Há 17 horas e 28 minutos
Polícia Civil desarticula quadrilha de assaltantes de transportes por aplicativo

CIDADE | 05/05/2021 10:51 - Há 17 horas e 36 minutos
Salvador Shopping promove Live Commerce com descontos e frete grátis

CIDADE | 05/05/2021 10:38 - Há 17 horas e 49 minutos
Novas fábricas devem investir R$ 5 milhões na Bahia

CIDADE | 05/05/2021 10:00 - Há 18 horas e 28 minutos
Estacionamentos privados esperam melhorias com retomada do comércio e vacinação

CIDADE | 05/05/2021 09:17 - Há 19 horas e 10 minutos
Trabalhadores nascidos em abril podem sacar auxílio emergencial

CIDADE | 05/05/2021 09:00 - Há 19 horas e 28 minutos
Apesar do aumento entre 0,6% e 9%, aluguéis continuam baixos

CIDADE | 05/05/2021 08:41 - Há 19 horas e 46 minutos
Todos os processos das Varas do Trabalho na Bahia serão eletrônicos

CIDADE | 04/05/2021 17:26 - Há 1 dia, 11 horas e 1 minuto
Trinta facas e mais de 50 celulares encontrados dentro de presídio

CIDADE | 04/05/2021 16:44 - Há 1 dia, 11 horas e 43 minutos
Reconhecimento Facial flagra dois foragidos por tráfico

CIDADE | 04/05/2021 16:26 - Há 1 dia, 12 horas e 2 minutos
Polícia indicia Dr. Jairinho e Monique pela morte de Henry

CIDADE | 04/05/2021 14:52 - Há 1 dia, 13 horas e 35 minutos
Colégio Militar da Bahia oferece mais de duas mil vagas para a capital e interior

CIDADE | 04/05/2021 14:45 - Há 1 dia, 13 horas e 42 minutos
Salvador está fora do decreto estadual e mantém volta às aulas

CIDADE | 04/05/2021 14:42 - Há 1 dia, 13 horas e 46 minutos
Itens falsificados são apreendidos por Polícia Civil e Receita Federal

CIDADE | 04/05/2021 14:11 - Há 1 dia, 14 horas e 16 minutos
Recadastramento de aposentados e pensionistas continua suspenso na Bahia

CIDADE | 04/05/2021 12:54 - Há 1 dia, 15 horas e 34 minutos
Homem invade creche e mata crianças e professora em Santa Catarina

CIDADE | 04/05/2021 12:47 - Há 1 dia, 15 horas e 40 minutos
Governo divulga datas para pedir isenção de taxa de inscrição no Enem

CIDADE | 04/05/2021 12:38 - Há 1 dia, 15 horas e 50 minutos
Prefeitura de Salvador vacina 100% dos trabalhadores da educação

CIDADE | 04/05/2021 12:33 - Há 1 dia, 15 horas e 54 minutos
Marcos Pontes quer incentivar setor privado a investir em ciência

CIDADE | 04/05/2021 12:05 - Há 1 dia, 16 horas e 22 minutos
Faculdade promove evento gratuito que orienta para o mercado de trabalho

CIDADE | 04/05/2021 12:02 - Há 1 dia, 16 horas e 25 minutos
CAAB entra na Justiça para viabilizar vacinas para advocacia baiana

CIDADE | 04/05/2021 11:43 - Há 1 dia, 16 horas e 45 minutos
Graça Violland, mãe do ministro João Roma, morre no Recife

CIDADE | 04/05/2021 11:00 - Há 1 dia, 17 horas e 28 minutos
Ibama é autorizado a contratar temporariamente 1.659 profissionais

CIDADE | 04/05/2021 10:12 - Há 1 dia, 18 horas e 15 minutos
Endividamento dos mais pobres cresce e volta a patamar recorde

CIDADE | 04/05/2021 10:00 - Há 1 dia, 18 horas e 28 minutos
Sedentarismo aumenta risco para formas graves da Covid-19, revela estudo

CIDADE | 04/05/2021 09:29 - Há 1 dia, 18 horas e 59 minutos
Trabalhadores nascidos em março podem sacar auxílio emergencial