'Não houve uma derrota total', diz governador de SC sobre afastamento

Carlos Moisés (PSL) se pronunciou na tarde deste sábado sobre a definição do Tribunal de Julgamento do Impeachment, que o afastou por até 180 dias. A vice-governadora, Daniela Reinehr (sem partido), assume o cargo interinamente

Tribuna da Bahia, Salvador
25/10/2020 06:40 | Atualizado há 29 dias, 20 horas e 17 minutos

   
Foto: NSC TV/Reprodução

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), afirmou na tarde deste sábado (24) que não encara como uma "derrota total" a decisão do Tribunal de Julgamento do Impeachment que o afastou por até 180 dias do cargo.

Durante esse tempo, ele será julgado por crime de responsabilidade em razão do aumento salarial dado aos procuradores do estado.

"É um resultado que nós não esperávamos. Esperávamos, de fato, o arquivamento desse processo. Mas entendemos que não houve uma derrota total (...) apesar do processo de impeachment ser um processo político também, ele tem que ter justa causa. E, como nós defendíamos, não há justa causa nesse processo de impeachment", disse.

Na entrevista coletiva realizada na Casa d'Agronômica, em Florianópolis, o governador classificou os quatro votos dos desembargadores, que rejeitaram a denúncia contra ele e a vice-governadora Daniela Reinehr (sem partido), como "muito bem fundamentados" e "incisivos pela absolvição sumária" de ambos.

Moisés comentou ainda a questão referente à equiparação salarial dos procuradores do estado, que motivou este primeiro processo de impeachment.

"Foi muito comentado nesses votos, muito destacado, a necessidade de acatamento pelo governador e pela vice governadora daquela decisão, que também alguns dos desembargadores fundamentaram, que era decisões judiciais e que tinham que ser acatadas", disse.

Com a aprovação de continuidade do primeiro processo de impeachment, a vice-governadora assume interinamente o governo de Santa Catarina.

Na coletiva, Moisés disse ainda que conversou com Reinehr e colocou o primeiro escalão do governo à disposição dela. Na tarde deste sábado, ele deve se reunir com as principais pastas para, segundo ele, facilitar o "processo de transição".

Questionado sobre o afastamento de até 180 dias, ele afirmou que pretende se dedicar a estabelecer elos com as lideranças políticas do estado.

"Eu tenho a convicção de que esse processo de impeachment deve ser arquivado definitivamente, mesmo com o afastamento, e pra isso a gente precisa, de fato, dialogar com o parlamento e é isso que nós vamos intensificar, esse é o objetivo nos próximos dias", disse.

Próximos passos

  • Será instaurado um julgamento contra Moisés, que deverá ser feito em até 180 dias pelo mesmo tribunal.
  • Durante o afastamento, o governador perde um terço dos vencimentos, que serão devolvidos se ele for absolvido na etapa seguinte.
  • Segundo o especialista Rogério Duarte, Moisés fica proibido de despachar no Centro Administrativo, mas pode permanecer na residência oficial do Estado, a Casa D’Agronômica.
  • A partir de segunda-feira (26), o denunciante ou advogado Ralf Zimmer Júnior deve apresentar as testemunhas de acusação em um prazo de 48 horas.
  • Depois, a defesa de Moisés terá o mesmo tempo para apresentar o rol de contrariedades e as testemunhas de defesa.
  • Em seguida, o presidente do tribunal pode pedir que algum ponto seja melhor investigado e precisará marcar a data da sessão de julgamento, que deverá ocorrer no plenário da Alesc.
  • Se na votação de julgamento Moisés for absolvido, ele volta ao cargo e recebe o um terço de salário que foi descontado.
  • Se for condenado no julgamento, Moisés perde o cargo de forma definitiva e na linha de sucessão Reinehr assume o cargo; a condenação só pode ocorrer com um mínimo de sete votos.

Sobre o primeiro processo de impeachment

  • Abertura: o pedido de impeachment, feito pelo defensor público Ralf Zimmer Júnior, foi aceito Alesc na tarde de 22 de julho. Oito dias depois, em 30 de julho, o legislativo abriu oficialmente o processo. Na comissão especial, o relator escolhido foi o deputado Luiz Fernando Vampiro (MDB);
  • Motivo: suspeita de crime de responsabilidade cometido pelos chefes do Executivo ao ser dado aumento salarial aos procuradores do estado, por meio de decisão administrativa, com o intuito de equiparar os salários aos dos servidores da legislativo. A equidade foi concedida em setembro de 2019. O TCE mandou suspender o pagamento do aumento em maio;
  • Arquivamento e retomada: uma primeira tentativa de pedido de impeachment foi arquivada em fevereiro pela assembleia, mas em 11 de maio, o defensor público Ralf Zimmer Júnior anexou mais documentos sobre o caso e deu entrada no processo novamente;
  • Votação na Comissão Especial de Impeachment: em 15 de setembro, a comissão votou por unanimidade pela aprovação do relatório e a denúncia seguiu na Casa. Nove deputados analisaram o pedido;
  • Votação em plenário: relatório feito pelo deputado Vampiro foi votado por todos os deputados em 17 de setembro. Os parlamentares decidiram dar continuidade ao processo;
  • Formação do Tribunal de Julgamento: cinco deputados e cinco desembargadores foram escolhidos por meio de um sorteio no dia 25 de setembro;
  • Votação no Tribunal decide afastamento: em 23 de outubro, os cinco deputados estaduais e cinco desembargadores do tribunal decidiram aceitar a denúncia contra Moisés e rejeitar a parte de Reinehr;
  • Afastamento: Moisés será afastado do cargo por até 180 dias a partir de terça (27);
  • Quem assume nesses 180 dias: a vice-governadora, já que a denúncia contra ela foi rejeitada pelo Tribunal de Julgamento.


Karollayne Rosa, G1

Compartilhe       

 




Mais sobre

POLÍTICA | 23/11/2020 06:30 - Há 20 horas e 27 minutos
Raio Laser - 23/11 - Investigação a opositores

POLÍTICA | 22/11/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 27 minutos
MP do Rio descobriu que Flávio Bolsonaro omitiu da RF R$ 90 mil em ações

POLÍTICA | 22/11/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 27 minutos
Feira: Rui Costa anuncia novos aliados para campanha de Zé Neto

POLÍTICA | 22/11/2020 06:30 - Há 1 dia, 20 horas e 27 minutos
Bolsonaro diz que tensões raciais são importadas e ‘alheias’ à história do país

POLÍTICA | 21/11/2020 12:02 - Há 2 dias, 14 horas e 55 minutos
ACM Neto e Bruno Reis vão à Conquista para frear Zé Raimundo

POLÍTICA | 21/11/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 27 minutos
Wagner se diferencia de Rui e admite que errou ao defender pulverização

POLÍTICA | 21/11/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 27 minutos
Senador diz que ACM Neto “saiu forte” das eleições municipais

POLÍTICA | 21/11/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 27 minutos
Boulos lança frente com apoio de Lula e Ciro contra Covas

POLÍTICA | 21/11/2020 06:30 - Há 2 dias, 20 horas e 27 minutos
Mourão: assassinato no supermercado não foi racismo, porque não existe racismo no Brasil

POLÍTICA | 20/11/2020 12:03 - Há 3 dias, 14 horas e 53 minutos
Feira de Santana: Arimateia e Geilson apoiam Colbert; Dayane fica neutra

POLÍTICA | 20/11/2020 12:01 - Há 3 dias, 14 horas e 55 minutos
Briga entre Zé Raimundo e Gusmão recomeça acirrada

POLÍTICA | 20/11/2020 12:00 - Há 3 dias, 14 horas e 56 minutos
PSD endurece discurso contra o governo de Rui Costa após eleições

POLÍTICA | 20/11/2020 06:30 - Há 3 dias, 20 horas e 27 minutos
Secretaria de Saúde defende apuração após operação da Polícia Federal

POLÍTICA | 20/11/2020 06:30 - Há 3 dias, 20 horas e 27 minutos
Ibama na Bahia cancela multa e libera obras de resort

POLÍTICA | 19/11/2020 16:52 - Há 4 dias, 10 horas e 5 minutos
Guedes recebeu Alcolumbre para discutir 'calamidade' no Amapá

POLÍTICA | 19/11/2020 16:47 - Há 4 dias, 10 horas e 9 minutos
Aras diz que iniciou apuração da reunião de Heleno e Ramagem com defesa de Flávio

POLÍTICA | 19/11/2020 12:04 - Há 4 dias, 14 horas e 52 minutos
Aliados defendem que Bolsonaro se filie a partido do Centrão

POLÍTICA | 19/11/2020 06:30 - Há 4 dias, 20 horas e 27 minutos
Subsídios podem bancar programa de renda, diz Bezerra

POLÍTICA | 19/11/2020 06:30 - Há 4 dias, 20 horas e 27 minutos
Raio Laser - 19/11 - 2º turno

POLÍTICA | 18/11/2020 15:32 - Há 5 dias, 11 horas e 24 minutos
ACM Neto não descarta apoio a Bolsonaro em 2022

POLÍTICA | 18/11/2020 12:19 - Há 5 dias, 14 horas e 37 minutos
‘Educação e transporte público são desafios para Bruno Reis’

POLÍTICA | 18/11/2020 12:18 - Há 5 dias, 14 horas e 38 minutos
Menor, oposição vai se reunir para decidir futuro na CMS

POLÍTICA | 18/11/2020 12:17 - Há 5 dias, 14 horas e 39 minutos
Geraldo tem votos para ser reeleito na presidência da Câmara de Salvador

POLÍTICA | 18/11/2020 12:14 - Há 5 dias, 14 horas e 42 minutos
Fux critica judicialização da política e diz que Congresso precisa ‘resolver os próprios problemas’

POLÍTICA | 18/11/2020 12:09 - Há 5 dias, 14 horas e 47 minutos
Raio Laser - 18/11 - Câmara

POLÍTICA | 18/11/2020 06:30 - Há 5 dias, 20 horas e 27 minutos
STJ suspende análise de recursos de Flávio Bolsonaro contra investigação

POLÍTICA | 17/11/2020 11:02 - Há 6 dias, 15 horas e 54 minutos
“Denice é quadro novo que fortalece a política de Salvador”

POLÍTICA | 17/11/2020 06:30 - Há 6 dias, 20 horas e 27 minutos
Vereador mais votado, Luiz Carlos comemora resultado

POLÍTICA | 17/11/2020 06:30 - Há 6 dias, 20 horas e 27 minutos
Com oposição menor, Câmara de Salvador perde veteranos

POLÍTICA | 17/11/2020 06:30 - Há 6 dias, 20 horas e 27 minutos
O que está por trás do avanço do DEM no comando de capitais do país