Bolsonaro ignora testes encalhados do governo e culpa Estados e municípios

Como revelou o jornal O Estado de S. Paulo, os exames comprados pelo Ministério da Saúde perdem a validade entre dezembro deste ano e janeiro de 2021 e podem acabar no lixo

Tribuna da Bahia, Salvador
23/11/2020 12:50 | Atualizado há 27 dias, 22 horas e 8 minutos

   
Foto: Adriano Machado / Reuters

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta segunda-feira, 23, que são governadores e prefeitos, e não o governo federal, quem deve explicações sobre os 6,86 milhões de testes para o diagnóstico do novo coronavírus que estão "encalhados". Como revelou o jornal O Estado de S. Paulo, os exames comprados pelo Ministério da Saúde perdem a validade entre dezembro deste ano e janeiro de 2021 e podem acabar no lixo. Cobrado sobre o assunto nas redes sociais, o presidente jogou a culpa em Estados e municípios.

"Todo o material foi enviado para Estados e municípios. Se algum Estado/município não utilizou deve apresentar seus motivos (sic )", disse Bolsonaro a um apoiador que o questionou se a informação procedia. Os dados sobre o prazo de validade dos testes em estoque estão registrados em documentos internos do próprio Ministério da Saúde.

Já o vice-presidente Hamilton Mourão, ao ser questionado sobre o assunto na manhã desta segunda-feira, disse "não estar ciente" e que cabe ao ministério apresentar os esclarecimentos. "Tem que buscar o esclarecimento lá com o Ministério da Saúde. Não estou ciente disso. Não é um assunto que passa por mim, não tenho o que declarar a respeito. Tem que ver lá com eles lá", afirmou o vice, encerrando a conversa com jornalistas no Palácio do Planalto.

Antes da declaração do presidente, os conselhos de secretários municipais (Conasems) e estaduais de Saúde (Conass) afirmaram que o ministério não entregou todos os kits de testes e máquinas para automatizar a análise das amostras que havia prometido.

"O contrato que permitia o fornecimento de insumos e equipamentos necessários para automatizar e agilizar a primeira fase do processamento das amostras foi cancelado pelo Ministério da Saúde", destacou o Conass. "Há o compromisso da pasta de manter o abastecimento durante o período de 3 meses, contados a partir do cancelamento. É fundamental, porém, que uma nova contratação seja feita e a distribuição dos insumos seja retomada em tempo hábil", completou.

No domingo, o jornal O Estado de S. Paulo revelou que 7,1 milhões de exames estão em armazém do ministério, ou seja, não foram enviados ao SUS em plena pandemia. Do total estocado, 96% (cerca de 6,86 milhões de unidades) perdem a validade entre dezembro deste ano e janeiro de 2021.

O estoque que pode ser inutilizado é maior do que os 5 milhões de testes PCR (considerado "padrão ouro" para detectar o vírus) já realizados pelo SUS na pandemia. O Ministério da Saúde afirma que já pediu estudos de estabilidade ao fabricante do teste para, na sequência, solicitar à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a prorrogação da validade do produto.

O RT-PCR é um dos exames mais eficazes para diagnosticar a covid-19. A coleta é feita por meio de um cotonete aplicado na região nasal e faríngea (a região da garganta logo atrás do nariz e da boca) do paciente. Na rede privada, o exame custa de R$ 290 a R$ 400. As evidências de falhas de planejamento e logística no setor ocorrem num período de aumento dos casos no País.

Além de ser poderoso para o diagnóstico, o teste é ferramenta fundamental para a estratégia de controle da pandemia. Se for bem aplicado, o exame permite quebrar cadeias de infecção ao rastrear e isolar infectados, mesmo aqueles sem sintomas, e seus contatos próximos.

O ministério chegou a lançar duas vezes o programa Diagnosticar para Cuidar, que previa 24,2 milhões de exames no SUS até dezembro. Só 20% foram feitos até agora. A pasta prometeu também insumos para entregar kits completos, mas os negócios foram travados por suspeita de irregularidades, hoje sob análise do Tribunal de Contas da União (TCU).

Sem todos os equipamentos necessários para a testagem, Estados e municípios afirmam que nem sequer dão conta das unidades que já receberam. O ministério informou no domingo que enviou 9,31 milhões de reações RT-PCR. O problema é que não basta este produto, e outros insumos foram entregues em quantidade inferior, como cotonetes e tubos para coleta do material do paciente, além de insumos para extração do RNA.

Além disso, a capacidade do SUS de processar as amostras em laboratório é baixa e, segundo os Estados e municípios, o ministério não entregou todos os equipamentos prometidos para equipar os Laboratórios Centrais (Lacens) das 27 unidades da federação.

Em nota divulgada no domingo, o ministério disse que entrega os exames conforme demanda de Estados e municípios. A pasta afirmou ainda que não mediu esforços para compra de kits de testagem e investimentos em laboratórios. O ministério, porém, também omitiu no comunicado o tamanho de seu estoque.

Compartilhe       

 




Mais sobre

POLÍTICA | 19/01/2021 09:30 - Há 1 dia, 1 hora e 28 minutos
Sobe de 35% para 40% os que avaliam governo Bolsonaro como 'ruim ou péssimo'

POLÍTICA | 19/01/2021 09:30 - Há 1 dia, 1 hora e 28 minutos
"Impeachment só existe quando o povo vai para as ruas", diz Marcelo Nilo

POLÍTICA | 19/01/2021 06:30 - Há 1 dia, 4 horas e 28 minutos
'A vacina é do Brasil, não é de nenhum governador', diz Bolsonaro sobre Doria

POLÍTICA | 19/01/2021 06:30 - Há 1 dia, 4 horas e 28 minutos
Lira 'ganha' 41 votos e lidera corrida pela presidência da Câmara

POLÍTICA | 19/01/2021 06:30 - Há 1 dia, 4 horas e 28 minutos
Eleição presencial foi decidida por seis deputados

POLÍTICA | 18/01/2021 17:30 - Há 1 dia, 17 horas e 28 minutos
"Temos liberdade ainda", mas "tudo pode mudar", afirma Bolsonaro

POLÍTICA | 18/01/2021 09:24 - Há 2 dias, 1 hora e 34 minutos
Alan Sanches pede abertura do plenário da Alba para sessões presenciais

POLÍTICA | 18/01/2021 06:30 - Há 2 dias, 4 horas e 28 minutos
Aras abre inquérito para investigar governador do Amazonas

POLÍTICA | 18/01/2021 06:30 - Há 2 dias, 4 horas e 28 minutos
'Deixa o cara governar, pô!', afirma Mourão

POLÍTICA | 18/01/2021 06:30 - Há 2 dias, 4 horas e 28 minutos
Na eleição na Câmara, Lira e Baleia buscam apoios no ‘varejo’

POLÍTICA | 16/01/2021 09:30 - Há 4 dias, 1 hora e 28 minutos
Para Maia, impeachment de Bolsonaro é tema que inevitavelmente será debatido no futuro

POLÍTICA | 16/01/2021 09:25 - Há 4 dias, 1 hora e 33 minutos
Crise no AM motiva novo pedido de pedido de impeachment de Bolsonaro

POLÍTICA | 16/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 4 horas e 28 minutos
PSOL rejeita apoiar Baleia e lança Erundina candidata à presidência da Câmara

POLÍTICA | 16/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 4 horas e 28 minutos
Bolsonaristas organizam caravanas pró-Lira em Brasília para dia da eleição na Câmara

POLÍTICA | 16/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 4 horas e 28 minutos
“Bolsonaro é responsável sim pela tragédia anunciada”, diz Otto sobre caos em Manaus

POLÍTICA | 16/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 4 horas e 28 minutos
PP ganha mais espaço após disputa na ALBA

POLÍTICA | 15/01/2021 10:00 - Há 5 dias, 58 minutos
Presidente do BC entra em campo para demover Bolsonaro da decisão de demitir André Brandão do BB

POLÍTICA | 15/01/2021 06:30 - Há 5 dias, 4 horas e 28 minutos
‘Tirar poder de governadores sobre polícias é retrocesso inaceitável’

POLÍTICA | 15/01/2021 06:30 - Há 5 dias, 4 horas e 28 minutos
Deputados divergem sobre projeto que reduz poder de governadores sobre PM

POLÍTICA | 15/01/2021 06:30 - Há 5 dias, 4 horas e 28 minutos
Niltinho e PP deixam caminho livre para Adolfo Menezes na ALBA

POLÍTICA | 15/01/2021 06:30 - Há 5 dias, 4 horas e 28 minutos
Políticos perdem “termômetro” da Lavagem do Bonfim para medir popularidade

POLÍTICA | 14/01/2021 17:53 - Há 5 dias, 17 horas e 4 minutos
João Leão diz em entrevista que está de mudança para a Casa Civil

POLÍTICA | 14/01/2021 06:30 - Há 6 dias, 4 horas e 28 minutos
ACM Neto dá início à campanha pelo governo da Bahia

POLÍTICA | 14/01/2021 06:30 - Há 6 dias, 4 horas e 28 minutos
ELEIÇÕES 2022: “Wagner é a pessoa capaz de unir nosso grupo”

POLÍTICA | 14/01/2021 06:30 - Há 6 dias, 4 horas e 28 minutos
Reforma de Rui Costa pode trazer Major Denice para o governo

POLÍTICA | 13/01/2021 10:30 - Há 7 dias, 28 minutos
MDB escolhe Simone Tebet para disputar presidência do Senado

POLÍTICA | 13/01/2021 10:30 - Há 7 dias, 28 minutos
Rui diz que “políticos do DEM na Bahia” temem desgaste de Bolsonaro

POLÍTICA | 13/01/2021 10:30 - Há 7 dias, 28 minutos
Adolfo avança nas articulações e deve ser eleito novo presidente da AL-BA

POLÍTICA | 13/01/2021 07:19 - Há 7 dias, 3 horas e 39 minutos
Morre Maguito Vilela, prefeito licenciado de Goiânia

POLÍTICA | 12/01/2021 17:41 - Há 7 dias, 17 horas e 17 minutos
Angelo Almeida assume Comissão para Avaliação dos Impactos da Pandemia da Covid-19