Milhões de famílias na expectativa do adiamento do Enem

Conselho Nacional de Secretários de Educação emitiu nota se pronunciando a respeito da preocupação com a realização do Enem 2020 durante a pandemia.

Tribuna da Bahia, Salvador
14/01/2021 06:30 | Atualizado há 12 dias, 7 horas e 45 minutos

   
Foto: Reprodução / Google fotos

Por Cleusa Duarte

Ainda no ano passado, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação (MEC), fez uma pesquisa com os candidatos ao Enem, para saber qual seria a melhor data para a realização do exame 2020. A data preferida foi maio deste ano, porém, sem muita explicação, as datas adotadas foram janeiro. Neste e no próximo domingo, respectivamente 5,78 milhões de estudantes em todo o país estarão nas ruas e em colégios a fim de realizar o exame presencialmente. Na Bahia, o número de inscritos é de 446.978. O fato tem despertado muita polêmica, devido a aglomeração que vai provocar em plena pandemia do coronavírus. Por último, os secretários de saúde de todo o país pediram o adiamento. 

Ainda na última terça à noite, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), aprovou uma posição conjunta para defender que o Enem seja adiado devido ao aumento do número de casos de Covid no Brasil. O pedido é dirigido ao ministro da Educação, Milton Ribeiro. 

O Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) emitiu nota à noite, se pronunciando a respeito da preocupação com a realização do Enem 2020 durante a pandemia. As provas impressas estão marcadas para o próximo domingo (17) e o seguinte (24). O governo garantiu ao Consed que os protocolos de biossegurança estabelecidos pelas autoridades sanitárias serão seguidos.

As manifestações ocorreram após a Justiça negar um novo adiamento da prova, pedido pela Defensoria Pública na União em ação com entidades de educação. De acordo com a decisão da Justiça, caso uma cidade tenha elevado risco de contágio deve justificar medidas severas de restrição de circulação. Caberá às autoridades locais impedirem a realização da prova. Se isso acontecer, o Inep terá que realizar um novo exame. O Enem 2020 estava programado para novembro.

Na carta enviada pelo Conass, os secretários de saúde afirmam que colocar os candidatos ao Enem a prestar as provas poderá fazer o vírus circular mais e atingir a população vulnerável. O secretário de saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas afirma, “é uma preocupação consensual pelo fato de haver importantes assimetrias no comportamento da pandemia em todo o país. Estados estão entrando em colapso como o Amazonas. Outros com muitas dificuldades como o Espírito Santo. Regiões do país com hospitais lotados. Isso vai fazer com que o Enem, uma prova nacional simultânea, não apenas prejudique as pessoas destas regiões em colapso como propiciar maior disseminação do vírus nas provas presenciais”.

Sobre a decisão judicial, onde foi indicado que as cidades ou estados que não puderem realizar a prova peçam uma data posterior, Villas Boas destacou, que “O Enem é uma prova homogênea e simultânea que visa comparar o desempenho dos estudantes em todo o país naquela prova específica. Se aplicar diferentes provas em diferentes momentos não teremos conhecimentos avaliados de forma homogênea. A nota tem que ser atribuída a prova específica, com o perfil de conhecimento aplicado na data. Se suspender em Salvador e depois aplicar uma prova mais fácil ou mais difícil vai ser difícil quantificar as dificuldades gerais na prova e alguém pode dizer que foi prejudicado.”

A União Nacional dos Estudantes (UNE), a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) e as entidades Campanha Nacional pelo Direito à Educação e Educafro também são favoráveis ao adiamento. Mais de quarenta entidades científicas publicaram uma carta endereçada ao ministro da Educação, Milton Ribeiro, em que expressam preocupação pela realização do exame. Eles acreditam que as medidas do Inep e do governo federal não são suficientes para garantir a segurança da população brasileira, num momento de visível agravamento da pandemia no país.

Para o clínico geral André Labreiro a situação é muito complicada, “acho que estamos fazendo o exame no pior momento da pandemia no Brasil. Está pior do que quando foi realizada a pesquisa em meados do ano passado e a maioria dos candidatos optou por realizar a prova em maio”.

SEC reitera pedido ao MEC para adiamento das provas do ENEM

Ontem, quarta-feira (13), a Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) reiterou, por meio de Ofício encaminhado ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC), o pedido de adiamento da aplicação da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Segundo o Ofício, assinado pelo secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, “a reiteração deste pedido se baseia no direito à vida, visto como paradigma técnico para as operações que envolvem escolas, governos, famílias e formação de pessoas. Por isso mesmo qualquer ato, evento ou episódio deve ser levado em conta esse direito essencial”.

A candidata Bruna Lima destaca que é preciso entender que os participantes são de diferentes camadas sociais, “são colegas de escolas públicas, que tiveram o ano letivo prejudicado, outros que precisam pegar transportes coletivos e que existe aglomeração nestas situações já conhecidas, não é só estar na sala de máscara. O melhor é adiar. Será que é tão difícil seguir o que os estudantes solicitaram?” 

Neste domingo serão 45 questões objetivas de Linguagens e Códigos, 45 questões de Ciências Humanas além da Redação. No próximo domingo serão 45 questões de ciências da natureza e 45 questões de matemática. Nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro serão aplicadas as provas na versão digital. O gabarito oficial do Enem 2020 será publicado até o terceiro dia útil após a realização das últimas provas. A previsão é que o resultado do Enem 2020 saia no dia 29 de março de 2021. Até o fechamento desta matéria o Inep não se pronunciou sobre os novos pedidos de adiamento do Enem.


Compartilhe       

 




Mais sobre

CIDADE | 25/01/2021 06:30 - Há 1 dia, 7 horas e 45 minutos
Candidatos terminaram ontem todas as etapas do ENEM

CIDADE | 24/01/2021 13:07 - Há 2 dias, 1 hora e 7 minutos
52ª CIPM libera vítima de sequestro relâmpago e prende dupla

CIDADE | 24/01/2021 12:25 - Há 2 dias, 1 hora e 50 minutos
Estudantes fazem hoje as provas de exatas do Enem

CIDADE | 23/01/2021 17:32 - Há 2 dias, 20 horas e 42 minutos
PMs salvam vida de recém-nascida engasgada com leite

CIDADE | 23/01/2021 15:25 - Há 2 dias, 22 horas e 49 minutos
Candidatos realizam última etapa do Enem

CIDADE | 23/01/2021 15:21 - Há 2 dias, 22 horas e 53 minutos
PM captura foragido por homicídios portando 591 porções de drogas

CIDADE | 23/01/2021 15:11 - Há 2 dias, 23 horas e 4 minutos
Soldado da Rondesp Sul chega ao top 1 do judô no Brasil

CIDADE | 23/01/2021 15:04 - Há 2 dias, 23 horas e 11 minutos
Polícia apreende 1,7 mil pinos de cocaína na Federação

CIDADE | 23/01/2021 13:27 - Há 3 dias, 48 minutos
Incêndio atinge garagem de ônibus e destrói veículos em Salvador; não houve feridos

CIDADE | 23/01/2021 06:30 - Há 3 dias, 7 horas e 45 minutos
Carnaval de Salvador pode não acontecer em julho, diz Bruno Reis

CIDADE | 22/01/2021 18:08 - Há 3 dias, 20 horas e 7 minutos
2,3 mil pinos de cocaína foram abandonados em fuga de traficantes

CIDADE | 22/01/2021 18:04 - Há 3 dias, 20 horas e 11 minutos
Polícia procura familiares de vítima de grupo de extermínio

CIDADE | 22/01/2021 16:34 - Há 3 dias, 21 horas e 41 minutos
Oportunidades na área ambiental: vagas para BA e ES

CIDADE | 22/01/2021 16:23 - Há 3 dias, 21 horas e 52 minutos
Homem é preso com dez tabletes de drogas

CIDADE | 22/01/2021 15:50 - Há 3 dias, 22 horas e 25 minutos
Justiça Federal determina afastamento de ex-presidente do TRT-BA pela segunda vez

CIDADE | 22/01/2021 15:31 - Há 3 dias, 22 horas e 44 minutos
Metrô monta estratégia especial de operação e segurança para segundo dia de provas do Enem

CIDADE | 22/01/2021 12:13 - Há 4 dias, 2 horas e 2 minutos
DHPP prende autor de homicídio de dançarina

CIDADE | 22/01/2021 11:46 - Há 4 dias, 2 horas e 28 minutos
Forças de segurança premiadas por redução em tempo de atendimento

CIDADE | 22/01/2021 09:30 - Há 4 dias, 4 horas e 45 minutos
Unidades de saúde já começam a denunciar violência contra a mulher

CIDADE | 22/01/2021 09:30 - Há 4 dias, 4 horas e 45 minutos
Coelba amplia prazo para quitação de débitos

CIDADE | 22/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 7 horas e 45 minutos
Janete Freitas - Edição do dia - 22/01

CIDADE | 22/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 7 horas e 45 minutos
Atriz Regina Duarte questiona utilidade da vacina contra a Covid-19

CIDADE | 22/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 7 horas e 45 minutos
Vacinação contra a Covid começa na Ilha de Bom Jesus dos Passos

CIDADE | 22/01/2021 06:30 - Há 4 dias, 7 horas e 45 minutos
Cancelamento do Carnaval do Rio poderá ter reflexo em Salvador

CIDADE | 21/01/2021 18:54 - Há 4 dias, 19 horas e 21 minutos
Policiais são recebidos a tiros no Subúrbio

CIDADE | 21/01/2021 18:39 - Há 4 dias, 19 horas e 35 minutos
Metas para consolidação da Estrada do Chocolate são discutidas em Ilhéus

CIDADE | 21/01/2021 17:33 - Há 4 dias, 20 horas e 41 minutos
Lagoa dos Dinossauros volta a receber visitantes após desinfecção

CIDADE | 21/01/2021 17:26 - Há 4 dias, 20 horas e 49 minutos
Bombeiros ganham novo comandante-geral e equipamentos

CIDADE | 21/01/2021 16:53 - Há 4 dias, 21 horas e 22 minutos
Nova Adhemar de Barros terá conceito de ruas completas

CIDADE | 21/01/2021 15:56 - Há 4 dias, 22 horas e 19 minutos
Revista Forbes cita Salvador pela segunda vez sobre destinos turísticos