Produção Industrial: Bahia registra maior alta do país em novembro

A Bahia voltou a crescer após recuar em outubro em -0,1%, sendo a terceira influência positiva no resultado geral.

Tribuna da Bahia, Salvador
15/01/2021 06:30 | Atualizado há 12 dias, 6 horas e 54 minutos

   
Foto: Agência Brasil

Por Filipe Oliveira

Dados divulgados ontem (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelam que a produção da indústria brasileira cresceu em 10 dos 15 locais pesquisados em novembro de 2020, na comparação com outubro, na série com ajuste sazonal. A Bahia teve a maior variação percentual e registrou uma alta de 4,9%. A média nacional foi de 1,2%. As informações são da Pesquisa Industrial Mensal Regional (PIM-PF Regional). Além da Bahia, as altas mais expressivas foram registradas no Rio Grande do Sul (3,8%) e Amazonas (3,4%). Já entre as cinco regiões com queda na produção, os piores resultados foram os do Pará (-5,3%) e em Mato Grosso (-4,3%).

A Bahia voltou a crescer após recuar em outubro em -0,1%, sendo a terceira influência positiva no resultado geral, além de maior taxa no absoluto. “Esse aumento em novembro na Bahia foi impulsionado pelo resultado do setor de celulose e do setor de bebidas”, afirma o gerente da pesquisa, Bernardo Almeida. A maior queda de produção no estado nordestino foi registrada em abril, quando chegou a -24,8%. Apesar dos bons resultados no estado, o gerente da pesquisa PIM-PF regional, Bernardo Almeida, comenta que a Bahia sofreu uma queda de 6,1% no acumulado do ano por conta dos setores de veículos automotores e metalurgia. “Várias unidades produtivas se fecharam por conta da pandemia. Isso afetou a produção de automóveis e, secundariamente, a produção de artefatos e peças de ferro e alumínio fundidos”.

O economista Paulo Dantas acredita que o resultado na Bahia é significativo, mas que pode mudar futuramente. “Acho que agora em 2021, com o efeito da saída Ford, o setor industrial no estado não tende a repetir um desempenho igual ao que tivemos [em novembro]. Agora estamos na expectativa de enfrentar uma nova realidade com a retirada deste parque industrial. A gente sabe que a Ford tinha uma contribuição muito significativa no setor industrial baiano. Por sorte, ainda temos o setor de celulose forte que contribui positivamente, principalmente, para exportações.

Já a produção industrial gaúcha, segunda influência positiva e também segundo maior resultado no absoluto, registra a sétima alta consecutiva, com acumulado de 67% entre maio e novembro. De acordo com Bernardo, o Rio Grande do Sul contou com boa participação do setor de couro, artigos de viagens e calçados. Já o Amazonas, com a alta em novembro influenciada pelo setor de bebidas, eliminou a queda de 0,7% registrada em outubro.

São Paulo, que exerce a maior influência no resultado da indústria nacional, cresceu 1,5% em novembro, após o recuo de 0,5% em outubro e cinco meses de crescimento entre maio e setembro, quando acumulou alta de 47%. “Como nos últimos meses, as influências positivas na indústria paulista foram do setor de veículos e do setor de máquinas e equipamentos”, diz Bernardo. Região Nordeste (2,9%), Santa Catarina (2,8%), Ceará (1,7%), Rio de Janeiro (1,6%) também mostraram avanços mais intensos do que a média nacional (1,2%). Paraná (1,2%) e Minas Gerais (0,6%) completam os locais com alta

Entre as quedas, Pará (-5,3%) e Mato Grosso (-4,3%) apontaram as maiores negativas de novembro. O estado do Norte teve a maior queda em termos absolutos e foi a principal influência negativa no mês. “É a terceira taxa negativa consecutiva da indústria paraense, com perda acumulada de 10,4%”, registra Bernardo, citando como influências negativas para o estado o setor extrativo, que concentra cerca de 88% de toda produção industrial do Pará, e o setor de alimentos.

Já o Mato Grosso voltou a recuar após crescer 0,8% em outubro. O principal componente da queda foram os resultados negativos dos setores de alimentos, muito influente na indústria local, e de derivados do petróleo e biocombustíveis. Os outros três locais que apresentaram queda em novembro foram Pernambuco (-1,0%), Espírito Santo (-0,9%) e Goiás (-0,9%).


Compartilhe       

 




Mais sobre

ECONOMIA | 26/02/2021 10:00 - Há 1 dia, 3 horas e 24 minutos
Fecomércio-BA projeta melhora do setor para segundo semestre de 2021

ECONOMIA | 26/02/2021 06:00 - Há 1 dia, 7 horas e 24 minutos
'Ninguém fica sentado em casa aumentando preços, é um trabalho de equipe', diz Castello Branco

ECONOMIA | 25/02/2021 19:19 - Há 1 dia, 18 horas e 4 minutos
Petrobras fechou 2020 com lucro líquido de R$7,1 bilhões

ECONOMIA | 25/02/2021 18:11 - Há 1 dia, 19 horas e 13 minutos
Nova linha de crédito da Caixa tem juros atrelados à poupança

ECONOMIA | 25/02/2021 17:04 - Há 1 dia, 20 horas e 20 minutos
"Tinder" da construção civil cresce 90% em 2020

ECONOMIA | 25/02/2021 16:20 - Há 1 dia, 21 horas e 4 minutos
Sem consenso, votação da PEC Emergencial é adiada para terça-feira

ECONOMIA | 25/02/2021 13:55 - Há 1 dia, 23 horas e 29 minutos
Mega-Sena acumula e prêmio pode chegar a R$ 50 milhões

ECONOMIA | 24/02/2021 16:25 - Há 2 dias, 20 horas e 59 minutos
Receita libera amanhã programa da declaração do Imposto de Renda 2021

ECONOMIA | 24/02/2021 12:46 - Há 3 dias, 38 minutos
Prévia da inflação (IPCA-15) na Região Metropolitana de Salvador acelera para 0,67% em fevereiro

ECONOMIA | 24/02/2021 10:00 - Há 3 dias, 3 horas e 24 minutos
Portos da Bahia serão cedidos à iniciativa privada

ECONOMIA | 23/02/2021 18:28 - Há 3 dias, 18 horas e 56 minutos
Empreendedorismo feminino na maturidade: você conhece os desafios?

ECONOMIA | 23/02/2021 18:12 - Há 3 dias, 19 horas e 11 minutos
Janeiro de 2021 bate recorde com a abertura de 2.624 novas empresas na Bahia

ECONOMIA | 23/02/2021 17:47 - Há 3 dias, 19 horas e 37 minutos
Petrobras solta esclarecimento sobre política de remuneração da diretoria

ECONOMIA | 23/02/2021 15:35 - Há 3 dias, 21 horas e 48 minutos
Brasileiros estimam inflação de 5,3% nos próximos 12 meses

ECONOMIA | 23/02/2021 10:00 - Há 4 dias, 3 horas e 24 minutos
Força tarefa do INSS promete reduzir fila para benefício social

ECONOMIA | 23/02/2021 06:00 - Há 4 dias, 7 horas e 24 minutos
Intervenção de Bolsonaro na Petrobrás derrete ações de estatais e derruba Bolsa

ECONOMIA | 22/02/2021 16:27 - Há 4 dias, 20 horas e 57 minutos
Justiça do Trabalho mantém liminar que proíbe Ford de demitir

ECONOMIA | 22/02/2021 12:38 - Há 5 dias, 46 minutos
Intenção de Consumo das Famílias cai 0,6% em fevereiro

ECONOMIA | 21/02/2021 09:00 - Há 6 dias, 4 horas e 24 minutos
'Usina sucroalcooleira alagoana pode ser instalada na Bahia', diz Leão

ECONOMIA | 21/02/2021 09:00 - Há 6 dias, 4 horas e 24 minutos
'Nós queremos privatizar, mas não é tudo também, não', diz Bolsonaro

ECONOMIA | 20/02/2021 17:05 - Há 6 dias, 20 horas e 19 minutos
Brasil ganha nova companhia aérea, mesmo com forte crise causada por novo coronavírus

ECONOMIA | 20/02/2021 16:49 - Há 6 dias, 20 horas e 35 minutos
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado de 34 mi

ECONOMIA | 20/02/2021 06:00 - Há 7 dias, 7 horas e 24 minutos
Caminhoneiros aprovam decisão de Bolsonaro sobre isenção no diesel, mas querem solução definitiva

ECONOMIA | 19/02/2021 14:32 - Há 7 dias, 22 horas e 51 minutos
Bahia mantém liderança na geração de energia por fonte renováveis

ECONOMIA | 19/02/2021 10:00 - Há 8 dias, 3 horas e 24 minutos
Petrobras reajusta preço da gasolina pela quarta vez no ano

ECONOMIA | 19/02/2021 10:00 - Há 8 dias, 3 horas e 24 minutos
Guedes avalia que congelamento de salário de servidores é suficiente como compensação

ECONOMIA | 18/02/2021 14:54 - Há 8 dias, 22 horas e 30 minutos
PF deflagra operação contra fraudes no auxílio emergencial

ECONOMIA | 18/02/2021 10:00 - Há 9 dias, 3 horas e 24 minutos
Vice-governador convida usina pernambucana a investir no Pólo Agroindustrial baiano

ECONOMIA | 17/02/2021 19:17 - Há 9 dias, 18 horas e 7 minutos
Dólar ultrapassa R$ 5,40 em volta de feriado de carnaval

ECONOMIA | 17/02/2021 11:38 - Há 10 dias, 1 hora e 45 minutos
Bancos retomam atendimento nesta quarta-feira