PGFN reabre parcelamentos especiais relacionados à pandemia

Negociação abrange tributos vencidos entre março e dezembro de 2020

Tribuna da Bahia, Salvador
11/02/2021 18:00 | Atualizado há 21 dias, 7 horas e 33 minutos

   
Foto: Divulgação

Pessoas físicas e empresas que deixaram de pagar tributos federais por causa da pandemia de covid-19 poderão parcelar a dívida, a partir de 1º de março, com desconto na multa e nos juros. A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) publicou portaria no Diário Oficial da União que recria as transações excepcionais.

A medida integra um novo pacote de ações para o enfrentamento da crise econômica gerada pela pandemia do novo coronavírus. A renegociação abrange débitos tributários vencidos entre março e dezembro do ano passado, inclusive as dívidas relativas ao Simples Nacional. As pessoas físicas poderão negociar débitos do Imposto de Renda relativos ao exercício de 2020.

Em troca de uma entrada de 4% do valor total do débito, que poderá ser parcelada em até 12 meses, o saldo restante poderá ser parcelado em até 72 meses para empresas e 133meses para pessoas físicas, empresários individuais, micro e pequenas empresas, instituições de ensino, santas casas de Misericórdia, cooperativas e demais organizações da sociedade civil.

Para conseguir a negociação com a PGFN, o débito deve estar inscrito na Dívida Ativa da União até 31 de maio de 2021. Os benefícios e os procedimentos para adesão à nova modalidade são os mesmos da transação excepcional, que vigorou por oito meses em 2020 e permitiu o fechamento de 268 mil acordos, com a renegociação de R$ 81,9 bilhões.

Condições

As condições para a adesão estão mais brandas que a das modalidades especiais de parcelamento criadas no ano passado, que só abrangiam a renegociação de dívidas classificadas como C ou D, com difícil chance de recuperação. Agora, a PGFN avaliará a capacidade de pagamento do contribuinte, considerando os impactos econômicos e financeiros decorrentes da pandemia.

Para as pessoas jurídicas, a redução, em qualquer percentual da soma da receita bruta mensal de 2020 (com início em março e fim no mês imediatamente anterior ao mês de adesão) em relação à soma da receita bruta mensal do mesmo período de 2019, será levada em conta para a adesão. Para as pessoas físicas, o procedimento será semelhante, comparando o rendimento bruto mensal em 2020 e 2019.

As informações dos impactos financeiros sofridos pela pandemia serão comparadas com as demais informações econômico-fiscais disponíveis na base de dados da PGFN, para fins de avaliação da capacidade de pagamento.

Benefícios

Para as pessoas jurídicas, o parcelamento prevê desconto de até 100% sobre os valores de multas, juros e encargos, respeitado o limite de até 50% do valor total da dívida. Para as pessoas físicas e demais categorias, que poderão parcelar em até 133 meses, o desconto corresponderá a até 100% sobre os valores de multas, juros e encargos, respeitado o limite de até 70% do valor total da dívida.

Por restrições impostas pela Constituição, a renegociação de dívidas com a Previdência Social está limitada a 60 parcelas (cinco anos).

Como negociar

A adesão às transações excepcionais pode ser feita por meio do Portal Regularize. Basta o contribuinte escolher a opção Negociar Dívida e clicar em Acesso ao Sistema de Negociações.

O processo tem três etapas. Na primeira, o contribuinte preenche a Declaração de Receita ou de Rendimento, para que a PGFN verifique a capacidade de pagamento do contribuinte. Em seguida, o próprio site liberará a proposta de acordo. Por fim, caso o contribuinte esteja apto, poderá fazer a adesão.

Após a adesão, o contribuinte deverá pagar o documento de arrecadação da primeira prestação para que a renegociação especial seja efetivada. Caso não haja o pagamento da primeira prestação até a data de vencimento, o acordo é cancelado.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe       

 




Mais sobre

ECONOMIA | 03/03/2021 10:12 - Há 1 dia, 15 horas e 20 minutos
Bittar retira pontos polêmicos da PEC Emergencial

ECONOMIA | 03/03/2021 06:00 - Há 1 dia, 19 horas e 33 minutos
BC vende US$ 2 bilhões de reservas para segurar valor do dólar

ECONOMIA | 02/03/2021 21:19 - Há 2 dias, 4 horas e 13 minutos
Antes de divulgação do IBGE, Guedes diz que queda do PIB deve ser menor que 4%

ECONOMIA | 02/03/2021 19:21 - Há 2 dias, 6 horas e 12 minutos
Entidades empresariais lançam manifesto a favor das medidas de restrição adotadas pela prefeitura

ECONOMIA | 02/03/2021 14:47 - Há 2 dias, 10 horas e 45 minutos
PEC que autoriza auxílio pode deixar ajuste de gastos para 2025

ECONOMIA | 02/03/2021 13:01 - Há 2 dias, 12 horas e 32 minutos
IPC-S sobe em seis capitais brasileiras em fevereiro, diz FGV

ECONOMIA | 02/03/2021 12:00 - Há 2 dias, 13 horas e 33 minutos
Preços de produtos industrializados sobem 3,36% em janeiro

ECONOMIA | 02/03/2021 11:03 - Há 2 dias, 14 horas e 29 minutos
Mistura entre contas de pessoas física e jurídica pode resultar em falência de empresas

ECONOMIA | 02/03/2021 06:00 - Há 2 dias, 19 horas e 33 minutos
Imposto de Renda 2021: O que a Receita já sabe sobre você antes mesmo de receber a declaração

ECONOMIA | 01/03/2021 20:59 - Há 3 dias, 4 horas e 33 minutos
Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

ECONOMIA | 01/03/2021 20:48 - Há 3 dias, 4 horas e 44 minutos
BC iguala limite do Pix ao das transferências eletrônicas

ECONOMIA | 01/03/2021 20:44 - Há 3 dias, 4 horas e 48 minutos
Receita recebe 438 mil declarações do IR no primeiro dia de entrega

ECONOMIA | 01/03/2021 18:59 - Há 3 dias, 6 horas e 34 minutos
Startup de moradia por assinatura inaugura empreendimento na Bahia

ECONOMIA | 01/03/2021 15:14 - Há 3 dias, 10 horas e 18 minutos
Renault anuncia investimento de R$ 1,1 bi para dois anos e segue negociando novo aporte com a matriz

ECONOMIA | 01/03/2021 14:32 - Há 3 dias, 11 horas e 1 minuto
Governo reabre programa de renegociação de dívidas com a União

ECONOMIA | 01/03/2021 10:53 - Há 3 dias, 14 horas e 39 minutos
Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje

ECONOMIA | 01/03/2021 10:00 - Há 3 dias, 15 horas e 33 minutos
Bolsa Família será turbinado após as quatros parcelas do auxílio

ECONOMIA | 01/03/2021 06:00 - Há 3 dias, 19 horas e 33 minutos
Concorrência disputa rede de Concessionárias com a Ford

ECONOMIA | 28/02/2021 10:43 - Há 4 dias, 14 horas e 49 minutos
Mega-Sena sai para um apostador que ganha 49 milhões

ECONOMIA | 27/02/2021 12:00 - Há 5 dias, 13 horas e 33 minutos
Pesquisa aponta Bahia como 18º do país em renda domiciliar per capita

ECONOMIA | 27/02/2021 10:00 - Há 5 dias, 15 horas e 33 minutos
Presidente da Fieb afirma que hub de Hidrogênio Verde fortalece o Nordeste

ECONOMIA | 27/02/2021 10:00 - Há 5 dias, 15 horas e 33 minutos
Declaração do Imposto de Renda pode ser enviada a partir de 1º de março

ECONOMIA | 26/02/2021 17:02 - Há 6 dias, 8 horas e 31 minutos
IR: acaba hoje prazo para empresas entregarem informes de rendimentos

ECONOMIA | 26/02/2021 16:59 - Há 6 dias, 8 horas e 33 minutos
André Brandão sinaliza saída do Banco do Brasil após crise com Bolsonaro

ECONOMIA | 26/02/2021 14:44 - Há 6 dias, 10 horas e 48 minutos
BNB investe R$ 40,07 bi na região em 2020 e alcança lucro líquido recorrente de R$ 1,44 bilhão

ECONOMIA | 26/02/2021 10:00 - Há 6 dias, 15 horas e 33 minutos
Auxílio emergencial: Bolsonaro promete 4 parcelas de R$ 250 a partir de março

ECONOMIA | 26/02/2021 10:00 - Há 6 dias, 15 horas e 33 minutos
Contrato com Escola Pública de Trânsito fez TCE/BA desaprovar contas do Detran em 2020

ECONOMIA | 26/02/2021 10:00 - Há 6 dias, 15 horas e 33 minutos
Fecomércio-BA projeta melhora do setor para segundo semestre de 2021

ECONOMIA | 26/02/2021 06:00 - Há 6 dias, 19 horas e 33 minutos
'Ninguém fica sentado em casa aumentando preços, é um trabalho de equipe', diz Castello Branco

ECONOMIA | 25/02/2021 19:19 - Há 7 dias, 6 horas e 13 minutos
Petrobras fechou 2020 com lucro líquido de R$7,1 bilhões