Trabalhador terá dez dias para contestar auxílio emergencial negado

Cidadão deve verificar página de consulta na internet diariamente.

Tribuna da Bahia, Salvador
14/04/2021 18:10 | Atualizado há 1 dia, 5 horas e 34 minutos

   
Foto: Marcelo Casal Jr / Agência Brasil

Os trabalhadores que tentam ser incluídos na nova rodada do auxílio emergencial devem estar atentos. Segundo o Ministério da Cidadania, a Dataprev, estatal responsável pelas informações cadastradas no programa, continua a processar as bases de dados. Assim que novas listas de beneficiários forem divulgadas, o cidadão terá dez dias para contestar benefícios negados ou com valor menor que o previsto.

A consulta deve ser feita diariamente na página desenvolvida pela Dataprev dentro do site do Ministério da Cidadania. O trabalhador deverá digitar nome completo, nome da mãe, CPF, data de nascimento e conferir se um novo lote de beneficiários foi liberado.

Só está elegível para receber a nova rodada do auxílio emergencial quem recebia o auxílio de R$ 600 ou a extensão de R$ 300 em dezembro do ano passado e cumpre os critérios de elegibilidade da medida provisória que instituiu a nova fase do programa. Caso o benefício não tenha sido liberado ou tenha sido liberado em valor abaixo do previsto, o trabalhador poderá fazer a contestação.

Nesta rodada, o auxílio emergencial varia de R$ 150 a R$ 375, dependendo da situação do beneficiário. Diferentemente do ano passado, em que até duas pessoas da mesma família recebiam as parcelas, agora apenas um membro receberá o benefício.

Novos lotes

O lote mais recente do auxílio emergencial, que incluiu 236 mil pessoas, foi liberado pelo Ministério da Cidadania na última segunda-feira (12). Quem discordou do processamento de dados poderá contestar o resultado até 22 de abril.

A contestação é feita no mesmo site da consulta, bastando ao usuário clicar no botão “Solicitar contestação”. O próprio sistema só aceitará critérios passíveis de reavaliação, como informações erradas ou desatualizadas. Não será possível fazer um novo pedido, porque a base de dados usada é a de quem pediu o auxílio emergencial até o início de julho do ano passado.

Após o pedido de contestação, a Dataprev analisará as novas informações fornecidas pelo trabalhador. Como a reavaliação não tem prazo, o beneficiário deverá acessar o site diariamente.

Compartilhe       

 




Mais sobre

ECONOMIA | 14/05/2021 16:48 - Há 1 dia, 6 horas e 56 minutos
Bracell Bahia investe mais de R$ 63 milhões no fortalecimento da economia local

ECONOMIA | 14/05/2021 15:27 - Há 1 dia, 8 horas e 17 minutos
Confiança na economia tem melhorado, diz Campos Neto

ECONOMIA | 14/05/2021 13:11 - Há 1 dia, 10 horas e 33 minutos
Inflação desacelera para todas as faixas de renda em abril

ECONOMIA | 14/05/2021 11:08 - Há 1 dia, 12 horas e 36 minutos
Evento "Atire a primeira pedra" realiza 4ª Edição voltado a startups

ECONOMIA | 14/05/2021 10:50 - Há 1 dia, 12 horas e 54 minutos
Quer abrir seu próprio negócio? Veja como fazer

ECONOMIA | 14/05/2021 10:04 - Há 1 dia, 13 horas e 40 minutos
Mineração baiana receberá R$ 70 bilhões em investimentos até 2025

ECONOMIA | 14/05/2021 09:58 - Há 1 dia, 13 horas e 46 minutos
Mais um ano sem São João: economistas e entidades lamentam prejuízos

ECONOMIA | 14/05/2021 08:55 - Há 1 dia, 14 horas e 49 minutos
Petrobras obtém lucro de mais de R$ 1 bilhão no primeiro trimestre

ECONOMIA | 14/05/2021 08:49 - Há 1 dia, 14 horas e 55 minutos
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar o auxílio emergencial

ECONOMIA | 13/05/2021 17:01 - Há 2 dias, 6 horas e 43 minutos
Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias é entregue na Assembleia Legislativa

ECONOMIA | 13/05/2021 14:39 - Há 2 dias, 9 horas e 5 minutos
Supermercados têm alta de 7% nas vendas do primeiro trimestre

ECONOMIA | 13/05/2021 12:22 - Há 2 dias, 11 horas e 22 minutos
Caixa antecipa segunda parcela do auxílio emergencial

ECONOMIA | 13/05/2021 09:29 - Há 2 dias, 14 horas e 15 minutos
Receita Federal alerta empresas sobre inconsistências na ECF

ECONOMIA | 13/05/2021 09:28 - Há 2 dias, 14 horas e 16 minutos
Área plantada de soja aumenta 5% na safra 2020/2021

ECONOMIA | 13/05/2021 09:20 - Há 2 dias, 14 horas e 24 minutos
Eletrobras tem lucro líquido de R$ 1,6 bilhão no primeiro trimestre

ECONOMIA | 13/05/2021 09:08 - Há 2 dias, 14 horas e 36 minutos
Governo vai ampliar crédito a microempreendedores baianos

ECONOMIA | 12/05/2021 21:52 - Há 3 dias, 1 hora e 52 minutos
SENAI CIMATEC firma parceria para exploração de terras raras na Bahia

ECONOMIA | 12/05/2021 09:33 - Há 3 dias, 14 horas e 11 minutos
Ministro descarta apagão, mas fala em ações 'excepcionais'

ECONOMIA | 11/05/2021 16:18 - Há 4 dias, 7 horas e 26 minutos
Guedes defende redução da estabilidade e avaliação de servidores públicos

ECONOMIA | 11/05/2021 14:13 - Há 4 dias, 9 horas e 31 minutos
Varejo baiano cresce 13,5% em março, aponta Fecomércio-BA

ECONOMIA | 11/05/2021 13:55 - Há 4 dias, 9 horas e 48 minutos
Pagamentos com cartões crescem 17% no primeiro trimestre

ECONOMIA | 11/05/2021 11:00 - Há 4 dias, 12 horas e 44 minutos
Exportações baianas cresceram 55,5% em abril

ECONOMIA | 11/05/2021 10:00 - Há 4 dias, 13 horas e 44 minutos
Pandemia segue mudando comportamento dos mais pobres em Salvador

ECONOMIA | 11/05/2021 09:00 - Há 4 dias, 14 horas e 44 minutos
Bahia tem a décima gasolina mais cara do país

ECONOMIA | 11/05/2021 08:53 - Há 4 dias, 14 horas e 51 minutos
EDF Renewables inicia operação do complexo eólico que suprirá demanda da Braskem

ECONOMIA | 10/05/2021 17:32 - Há 5 dias, 6 horas e 12 minutos
Banco Central abre consultas para saques e trocos via Pix

ECONOMIA | 10/05/2021 16:43 - Há 5 dias, 7 horas e 1 minuto
Pré-sal: Petrobras firma contrato para construção de sétima plataforma

ECONOMIA | 10/05/2021 15:19 - Há 5 dias, 8 horas e 25 minutos
Empresa de pets expande negócios no Nordeste e Norte

ECONOMIA | 10/05/2021 14:26 - Há 5 dias, 9 horas e 18 minutos
Faturamento da indústria volta a crescer em março, segundo CNI

ECONOMIA | 10/05/2021 14:19 - Há 5 dias, 9 horas e 25 minutos
Reforma tributária deve ser fatiada em 3 ou 4 projetos, diz Lira