Chapada: presos comerciantes acusados de encomendar morte de fazendeiro e auditor fiscal

O assassinato que ocorreu no dia 4 de dezembro de 2017


Tribuna da Bahia, Salvador
15/08/2018 17:20 | Atualizado há 10 horas e 42 minutos

   
Foto: Divulgação

Por Cristina Villarino (Sucursal Chapada) 

Foram presos em Ruy Barbosa, município distante 323 quilômetros de Salvador, dois irmãos  mandantes do assassinato do fazendeiro e auditor fiscal do Estado, Laércio Luís de Macedo Campos. O assassinato que ocorreu no dia 4 de dezembro de 2017,  e foi praticado no Centro da cidade, quando dois homens chegaram em uma motocicleta e dispararam  vários tiros  à queima-roupa contra Laércio Luís, que além de possuir uma Fazenda na localidade era auditor fiscal do estado. 

Em cumprimento a um mandado de prisão, expedido pela justiça dois irmãos identificados como Dorival Macedo Castro Neto e Mateus Macedo Castro, donos de um supermercado na cidade foram presos na manhã desta quarta-feira (15) pela polícia civil como mandantes do assassinato. Os acusados serão transferidos para o presídio de Itabaraba e ficarão a disposição da justiça.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas